Pravda.ru

Notícias » Brasil


Gil perde a Guariroba, Lula pega o abacaxi

25.02.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Como tem um fato maior rondando a incompetente administração petista, o escândalo, até agora, passa meio que despercebido pela mídia. Mas vem coisa maior por aí. E dessa vez o presidente Genoino não vai poder dizer que os assessores não são do PT. São sim, vermelhinhos. Abre-se uma lacuna na República da Guariroba, aumenta um abacaxi na horta do presidente Lula.

Seria cômico, se não fosse trágico

Resvala no cinismo, passando pelo irônico, a afirmação dos petistas de que o governo já fez tudo que tinha que fazer, demitiu o Waldomiro e abriu inquérito para apurar o caso da propina. Ora senhores, o PT queria o quê? Dar uma gratificação ao rapaz? Nomeá-lo Embaixador em Bruxelas ? O que tem que ser explicado, com CPI ou sem CPI, é o que estava fazendo o sr. Waldomiro Diniz, sentado à mão direita de Deus Pai todo poderoso, sabendo de tudo o que acontece nos bastidores do governo e ainda opinando sobre o que os parlamentares petistas tinham que dizer no Congresso. Chega a ser infantil essa explicação como conclusiva.

Na mídia, o retrato de uma falência

Na Folha de São Paulo de hoje, dois jornalistas da primeira linha da imprensa brasileira, mesmo sem nenhum acerto do chamado texto final, definem com sintonia milimétrica o estrago por que passa o governo Lula, e como a incompetência administrativa ainda pode levar tudo isso. Clóvis Rossi sugere que o governo chame Fernando Collor de Mello para auxiliar o ministro José Dirceu e o presidente do PT, José Genoino a resolverem a crise. Cabedal e currículo no item trambicagem ele tem de sobra, pode ocupar a vaga do Waldomiro. Fernando Rodrigues sai matando, e escreve: é quase catastrófica a atuação do PT e do governo Lula na atual crise. Há erros de estratégia e tática. José Dirceu está abatido, abriu-se um vácuo e ninguém teve competência para ocupar essa vaga.

Diversionismo

A propósito das insinuações de Genoino querendo envolver o PSDB na articulação que deu origem à divulgação do vídeo à revista Época, seria muito prudente que ele, antes, ouvisse o que tem dito o vice-líder do governo na Câmara, Sigmaringa Seixas (PT-DF): "Não acho e não acredito que o PSDB tenha algo a ver com este caso", Sigmaringa atribui a divulgação das fitas à uma briga entre grupos rivais do jogo do bicho.

Tergiversações - I

"O Governo argumenta que agiu com rigor, como se, diante do flagrante explícito, coubesse outra atitude; alude ao fato de a data da ocorrência ser anterior ao governo do PT, como se corrupção prescrevesse; alega que Waldomiro Diniz não é filiado ao partido, como se fosse a filiação a liga dele com o Planalto; acusa o PSDB de ter dado publicidade à gravação do pedido de propina, como se a forma se sobrepusesse ao conteúdo." Dora Kramer 17/08/02

Tergiversações - II

"A alegação de que Waldomiro Diniz não é filiado ao PT equivale a considerar que a Presidência da República não tem responsabilidade sobre as ações de ministros de partidos aliados. Se, por hipótese remota, alguém do PMDB, do PTB ou do PL viesse a incorrer em improbidade, por esse raciocínio o malfeito teria de ser visto como fato isolado." Dora Kramer (Estadão17/08/02)

O grande mal

"Afinal, o personagem em questão foi flagrado pedindo suborno e isso lhe confere a condição de corrupto. O mal não é incurável, mas, ao que se saiba, o remédio não reside na passagem do tempo ou nas simples mudanças de endereço e status profissional. Em alguns casos, esses fatores são até agravantes." Dora Kramer (Estadão17/08/02)

Quem é chefe?

Em 25/09/02, José Dirceu disse o seguinte: "Nós estamos nesta luta, combatendo a corrupção, nas duas últimas décadas. Nosso compromisso aqui é não deixar de fazer isso se nos tornarmos governo. Temos uma orientação clara do Lula e do programa de governo que é transformar em ação de governo toda essa nossa luta que vem de anos". Se Dirceu teve alguma iniciativa contra a corrupção, não se sabe. Sabe-se, porém, que foi dele a indicação de Waldomiro Diniz para ser SUBCHEFE DE A$$UNTOS PARLAMENTARE$ da Presidência da República. A propósito, se Waldomiro era o subchefe, quem era o chefe???

Seja você quem for, seja o que Deus quiser...

O PT atravessou o samba nas passarelas do Congresso e vai azedar o carnaval de muitos militantes, até ontem certos que estavam se livrando de uma CPI que investigue Waldomiro Diniz. Quatro em cada cinco articulistas dos grandes jornais do país, fazem hoje pesadas críticas ao comportamento do PT, atabalhoado nas decisões, inseguro nas afirmações e incoerente nos acertos e acordos. Em suma: comprova o que o próprio Lula já disse, quem tem o PT como aliado não precisa oposição.

Seja você quem for - 2

Dentro dessa linha de assessorar o governo, e trabalhar contra ele, o senador Aloísio Mercadante vem se especializando em fortalecer os argumentos da oposição, no que, sensibilizados, todos agradecem. Embora a cúpula do governo negue e faça correntes de apoio ao ministro José Dirceu, o próprio Mercadante admitiu no Bom Dia Brasil que a hipótese do sr. Waldomiro Diniz ter atuado de forma incorreta já como assessor do governo é bastante provável. A oposição só tem uma dúvida: se Mercadante está absolutamente certo, ou se está mais ou menos certo.

Ministro que sai, Ministro que samba

O ministro dos Transportes, Anderson Adauto, que deixa o cargo hoje sai exatamente como entrou. Não disse a que veio, não pavimentou cinco quilômetros de estradas, não reformou uma ponte, não iniciou uma rodovia e não alterou uma vírgula no sistema de trabalho do ministério. Quando entrou no governo teve que dar explicações sobre aplicação de verbas em Minas, licitações etc. Depois, apoiado por Lula, continuou no cargo quase que de forma decorativa, e hoje é candidato a prefeito em Uberaba. O ministro Gilberto Gil, que administra uma crise interna no Ministério da Cultura, demitindo três assessores, vai para a Bahia sair num Trio Elétrico.

Deu no jornal

A crise do bicho que assola o PT está em todos os jornais, e alguns dos jornalistas políticos mais categorizados do país analisam o fato caminhado praticamente na mesma linha. Eliane Cantanhêde, da Folha, abre sua coluna com o seguinte texto: "Pode parecer cena ou blefe, mas o melhor mesmo que José Dirceu tem a fazer é se afastar da Casa Civil durante as investigações do caso Waldomiro. A coisa pegou, está feia e chega a Lula, via Dirceu". Em seguida a jornalista enumera os motivos que justificam essa saída, começando pela dúvida criada se Waldomiro continua agindo já na condição de assessor Dirceu, dentro do Planalto. Eliane foi paciente, só esse questionamento já basta.

Deu no jornal-2

Analisando as trapalhadas iniciais do PT, no comando da crise instalada, a jornalista Dora Kramer, do Jornal do Brasil e do Estadão, admite que a decisão de se criar uma Comissão para estudar o caso da um certo fôlego ao governo.

Conclui seu comentário, cética: nos dois primeiros dias da semana, o velho jeito petista de atuar - arrogante, agressivo, auto-referido e inconseqüente - preponderou e quase fez naufragar o novo método petista de governar".

PSDB

 
7352
Loading. Please wait...

Fotos popular