Pravda.ru

Notícias » Brasil


PT repudia declarações de Fernando Henrique Cardoso

23.05.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O PT repudia as declarações do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, proferidas no final de semana, segundo as quais “o governo parece peru bêbado”. Não se trata apenas de uma inadequação na boca de um ex-presidente da República, nem apenas de arrogância, conduta que o caracteriza desde quando exercia a presidência. No entender do PT, o ex-presidente exercitou um grosseiro ato de provocação explícita ao atual governo. Parece que o seu objetivo consiste em insuflar artificialmente uma suposta crise institucional, já que havia declarado anteriormente que o país se encaminhava para um ambiente com estas características. Se esta é a sua intenção, trata-se de uma irresponsabilidade política.

A afirmação de Fernando Henrique Cardoso, de que a “sertanização por que passa Brasília pode atingir a democracia”, só pode ser entendida como a manifestação de um elitismo arrogante contra o povo pobre e humilde deste país, cujos sacrifícios servem, inclusive, para financiar aposentadorias polpudas de certos intelectuais que destilam preconceitos contra o povo mal-instruído, mantido no analfabetismo ou no semi-analfabetismo e na exclusão social por governos que se esmeraram em perpetuar as condições de atraso e de pobreza do Brasil e de milhões de brasileiros.

A afirmação de que o “País está sem rumo” não resiste aos menores termos comparativos dos resultados do presidente Lula em relação aos obtidos pelo governo do senhor Fernando Henrique Cardoso. Basta dizer que sob o governo Lula estão sendo criados milhões de empregos, reduzindo um dos maiores índices de desemprego, ocorrido no governo FHC; o Brasil vem quebrando recordes nas exportações, contrastando com os sucessivos déficits comerciais da gestão anterior; até 2006, serão incluídas 11 milhões de famílias no programa Bolsa Família, inclusive, muitas delas de sertanejos, tão desprezados pelo ex-presidente; o Brasil recuperou o crescimento econômico, contra um crescimento pífio em oito anos de gestão tucana; o governo vem reduzindo a dívida pública - desastrosa hipoteca do futuro de várias gerações igualmente deixada como herança de oito anos de gestão ruinosa, que vendeu os ativos do Estado brasileiro a valores deprimidos, ao mesmo tempo em que elevava a dívida e a vulnerabilidade do país; no atual governo restaurou-se a moralidade, com a punição dos corruptos e com o desmantelamento de dezenas de quadrilhas que agiam há anos no poder público. Este é o rumo do Brasil, que vem recuperando, com muito sacrifício, a dignidade, o bem-estar e o orgulho do seu povo.

A lista de comparações poderia ser extensa, mas estes exemplos bastam para desmentir categoricamente as afirmações do ex-presidente, que, tomado pelo despeito e pela inveja das realizações do governo Lula, dissemina avaliações políticas enganosas com o mero intuito de antecipar a disputa eleitoral do próximo ano para 2005, atitude que além de atrapalhar o país, visa dificultar a governabilidade.

José Genoino Presidente nacional do PT São Paulo, 23 de maio de 2005

 
3137
Loading. Please wait...

Fotos popular