Pravda.ru

Notícias » Brasil


Obras em 15 aeroportos geram 50 mil empregos

23.01.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

As melhorias incluem construção de pista de pouso e decolagem, ampliação e reforma de terminais de passageiros, ampliação de estacionamentos, implantação de pontes de embarque e de novos pátios para aeronaves, entre outros, que estão gerando 50 mil empregos diretos e indiretos. As obras estão permitindo o aumento da capacidade dos aeroportos para receber passageiros, bem como para o transporte de cargas. Atualmente, nos 66 aeroportos administrados pela Infraero, passam 100 milhões de passageiros por ano, o que corresponde a 97% do movimento aéreo regular no Brasil.

Em 2005, foram finalizadas cinco obras. Uma delas, inaugurada no final de dezembro, foi a construção de segunda pista de pouso de decolagem do Aeroporto Internacional de Brasília. A pista, com 3.300 metros, vai descongestionar o tráfego aéreo local que com freqüência ocasiona espera para pousos e decolagens. Houve ainda ganhos para o meio ambiente por causa das medidas de compensação ambiental em decorrência da obra adotadas pela Infraero, como a construção do borboletário no zoológico da capital.

Outra importante obra entregue no ano passado, foi a instalação de mais quatro pontes de embarque no Aeroporto de Congonhas (SP) e o início da operação do edifício-garagem, que no início de 2006 já terá capacidade para 3.400 vagas. Também já está funcionando desde setembro o novo terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de Maceió. O local, com o triplo do tamanho em relação o antigo terminal, comporta agora 1,2 milhão de passageiros por ano. Antes da reforma, o limite era de 650 mil. Além disso, em agosto de 2005, a Infraero inaugurou a reforma e modernização do Aeroporto de Uberlândia (MG), que engloba o novo terminal de passageiros ampliando a capacidade de 175 mil para 550 mil passageiros por ano.

Estão em andamento sete obras, como a do Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP), o maior do país em movimento de passageiros com 100 mil/dia. A Infraero está promovendo a implantação, adequação, ampliação e revitalização do sistema de macro-drenagem. O término está previsto para o próximo ano. No Aeroporto Santos-Dumont, no Rio, as obras incluem a reforma e ampliação do terminal de passageiros e do sistema de pistas e pátios. Apesar da transferência dos vôos nacionais deste aeroporto para o Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, em agosto de 2004, o Santos- Dumont continua a operar acima da sua capacidade. Até novembro de 2005, foram 3,2 milhões de passageiros embarcados e desembarcados. A capacidade atual é para 1,8 milhões de passageiros por ano. A Infraero pretende dotar a cidade do Rio de Janeiro de um moderno aeroporto central, capaz de atender até 8,5 milhões de passageiros por ano com conforto e segurança. Estão sendo feitas melhorias ainda nos aeroportos de João Pessoa, Goiânia, Vitória, Cuiabá e Macapá.

Obras inauguradas

Segundo a Infraero, foram 19 grandes obras de melhorias em aeroportos entregues em todas as regiões do país e gerados mais de 50 mil empregos diretos e indiretos. Desde 2003, foram inauguradas melhorias nos aeroportos de:

Campinas, Campina Grande, Joinville, Manaus, Porto Velho, Petrolina, Recife, Santos-Dumont (RJ), Congonhas (SP), Brasília, Navegantes, Macaé, Guarulhos, Uberlândia e Maceió.

Subsecretaria de Comunicação Institucional da Secretaria-Geral da Presidência da República

 
3453
Loading. Please wait...

Fotos popular