Pravda.ru

Notícias » Brasil


LULA NEWS

21.11.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O depoimento do ministro Antonio Palocci na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, foi assistido por muitas pessoas, mas entre elas, não estava o presidente Lula que declarou não ter acompanhado o depoimento por estar trabalhando e que se inteirou de tudo mais tarde, nos jornais.

O presidente do Senado, Renan Calheiros, desmentiu Lula, declarando que o presidente acompanhou sim, o depoimento até a madrugada.

Ambos estão mentindo, pois Lula não acompanha nem acompanhou qualquer depoimento de CPI’s ou outras comissões, mesmo os importantes como o do companheiro e ex-0ministro José Dirceu no Conselho de Ética, simplesmente, porque são muito “chatos”.

Lula não poderia ter se inteirado do teor do depoimento no dia seguinte, nos jornais, simplesmente por que Lula não os lê. Também não assiste a telejornais, pois em sua televisão Lula apenas assiste a novela das seis, a das sete e a das oito; o Programa do Ratinho e é claro, jogos de futebol do Corinthians.

A completa alienação de Lula quanto a notícias foi comprovado quando ele classificou o maior desastre natural da história conhecida que foram as tsunami no Oceano Índico, em dezembro de 2004 que foi um evento sísmico, como “vendavais”.

Se acaso Lula houvesse realmente, acompanhado o depoimento de Palocci ou lido mais tarde, nos jornais, não teria visto grande coisa, pois o companheiro Palocci apenas negou, uma vez mais, as denúncias de que é acusado de participação e ressaltou outra vez, os números da economia brasileira para acalmar o mercado financeiro e também a companheira Dilkma Roussseff que criticou a política econômica especialmente, quanto ao ajuste fiscal.

Dilma Rousseff apenas integrou o coro que foi puxado pelo vice-presidente José Alencar e pelo próprio José Dirceu, quando ambos criticaram abertamente, a política de juros.

Rousseff criticou a falta de investimentos do governo, em favor da manutenção do superávit primário que é o que o governo economiza para pagar dívidas, em níveis satisfatórios, causando, com isto, pouco investimento em infra-estrutura que é o que o Brasil deve fazer para que não soframos um “apagão logístico” como tem sido apregoado por alguns setores da indústria.

Além disso, a política de juros astronômicos patrocinada pelo Banco Central para controlar a inflação, privilegia apenas o setor financeiro e impede, juntamente com a falta de investimentos em infra-estrutura, o crescimento econômico do país em níveis satisfatórios e não nos pífios níveis atuais ou seja, parece que Dilma Rousseff que foi apoiada pelo senador Aloízio Mercdante, está do lado certo.

Quanto as denúncias, há um dito popular que se aplica perfeitamente ao caso: “onde há fumaça, há fogo” e um outro, de minha autoria: “um político é culpado, até que se prove a sua inocência”.

Não houve dinheiro de Cuba para a campanha de Lula, simplesmente porque não faz sentido. Segundo Lula, Cuba está num “misere”! danado e realmente não teria condições de dispor de US$ 3 milhões para a campanha de Lula. Ao menos se estivéssemos nos velhos e bons tempos da Guerra Fria. Se acaso for verdade, Fidel Castro deve estar bastante decepcionado com seu companheiro Lula pelas atitudes que seu governo vem tomando, esquecendo as raízes marxistas.

Quanto às denúncias de Rogério Buratti, estas serão difíceis de se comprovar pois se foi pago mensalão a Palocci ou ao PT pela empreiteira Leão & Leão, isto foi bem disfarçado ao contrário do que fez o comendador Severino Cavalcanti que recebeu o mensalinho do restaurante Fiorella do empresáro Sebastião Buani, com cheque nominal.

Há também, uma questão a ser analisada: assim com o caixa 2 que é sistematicamente feito no Brasil como afirmou Lula e como foi reforçado pelo ex-ministro Anderson Adauto, vantagens para empresas em licitações, é prática mais que corriqueira nos municípios e foi Palocci mesmo quem disse que não está acima de qualquer suspeita.

José Schettini Petrópolis BRASIL

 
4265
Loading. Please wait...

Fotos popular