Pravda.ru

Notícias » Brasil


Desemprego vai a 10,9% em nova pesquisa do IBGE

19.12.2002 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou hoje que a taxa de desemprego em novembro foi de 10,9%, inaugurando uma série estatística com nova metodologia. Em relação a outubro, quando a taxa ficou em 11,2%, houve uma pequena queda.

Nessa nova Pesquisa Mensal de Emprego (PME), são considerados os últimos 30 dias de procura por trabalho para o grupo de pessoas com 10 anos ou mais. Na metodologia anterior, o IBGE utilizava apenas sete dias como período de referência e a idade mínima era de 15 anos.

Outra mudança é que agora são considerados ocupados os trabalhadores não remunerados com jornada semanal inferior a 15 horas, desde que superior a 1 hora. Também estão incluídos novos municípios nas seis regiões metropolitanas pesquisadas (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Porto Alegre).

O levantamento indica ainda que houve uma queda de 1,9% no rendimento médio das pessoas ocupadas, de R$ 873,80 em setembro para R$ 857,10 em outubro. Em relação a outubro de 2001, quando o rendimento médio foi de R$ 826,06, houve um aumento de 3,8%.

Medida anterior: A nova PME vem sendo produzida desde outubro de 2001, em paralelo à antiga. Os resultados completos da nova pesquisa serão divulgados a partir de janeiro de 2003, no portal do IBGE (www.ibge.gov.br).

Com as mudanças efetuadas, a taxa de desemprego divulgada pelo IBGE deverá situar-se em um patamar superior. Pela metodologia antiga, a taxa de desemprego foi de 7,1% em novembro, contra 7,4% em outubro. Ainda conforme a metodologia anterior, a pesquisa do IBGE indica que houve uma nova queda no rendimento médio das pessoas ocupadas. Em outubro, o rendimento médio ficou em R$ 797,82, com queda de 1,9% em relação a setembro e de 3,9% em relação a outubro de 2001.

fonte: www.pt.org.br

Márcia MIRANDA PRAVDA.Ru BRASIL

 
1932
Loading. Please wait...

Fotos popular