Pravda.ru

Notícias » Brasil


Lula elogiado pelo Guardian

18.04.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O artigo no Guardian de 11 de Abril, escrito por Alex Bellos, entitula-se “Lula Esquerdista ganha créditos enquanto os seus primeiros 100 dias dão nova vida à economia do país”. Segue uma linha de comentário que visa as políticas financeiras prudentes para não antagonizar os mercados financeiros.

Após os primeiros cem dias, diz o artigo, os indicadores económicos e as sondagens públicas estão em alta, provando que os pessimistas, que previram que um Presidente Lula era sinónimo com um desastre económico, estavam rotundamente enganados.

Porém, nem todos estão satisfeitos: em Janeiro, Presidente Lula começou o seu período no Palácio Presidencial, após ter prometido profundas mudanças sociais mas agora, parece seguir políticas ainda mais conservadores do que o seu antecessor, Fernando Henrique Cardoso do PSDB (Partido Social Democrata do Brasil, que nem é democrático, nem tem cariz social).

O seu Programa Fome Zero, que visa a erradicação de fome, providenciando 3 refeições por dia a todos os brasileiros até 2007, tem tido muitos problemas burocráticos e de falta de organização. Há no entanto muitos que acreditam que as críticas iniciais do governo de Lula se fundamentam principalmente em problemas que afectam todas as administrações nos seus primeiros dias. Por exemplo, David Fleischer, Professor de Economia na Universidade de Brasília, considera que as mudanças sociais no programa do Presidente Lula “são um conceito novo e marcam uma mudança social muito profundo”.

Lula está na corda-bamba entre satisfazer aqueles brasileiros que fizeram dele o primeiro presidente com origens operários no Brasil e os mercados internacionais, que esperam os primeiros sinais de desequilíbrio para enviar o país num espiral descendente na escala do final do ano passado em Argentina.

O artigo cita Riordan Roett, diretor do Western Hemisphere Programme na Universidade de John Hopkins em Washington, que diz, “No contexto do Brasil, os primeiros 100 dias não poderiam ser melhores” Não é só no estrangeiro onde Lula é o menino bonito: tem um nível recorde de apoio popular no seu pais desde que as eleições democráticas foram reinstalados em 1989, de acordo com as sondagens. Em soma, os primeiros 100 dias do Presidente Lula recebem um Bom Mais no máximo e um Suficiente Menos, no mínimo. O que falta abordar, de acordo com o artigo no Guardian, é um plano compreensivo de reformas orçamentais e de pensões e reformas fiscais para reduzir o défice orçamental. Será nesta área que o Presidente Lula irá enfrentar o maior desafio, a ver se ele e a sua coligação mantém o ritmo ou fracassa, porque os problemas sociais do país precisam dum programa bem mais radical do que o deles.

Natalia MIKHAILOVA PRAVDA.Ru

 
2847
Loading. Please wait...

Fotos popular