Pravda.ru

Notícias » Brasil


Vamos assentar todos os acampados, diz Lula

15.05.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Lula participou do encerramento do Grito da Terra 2003 —esta foi a primeira vez que um presidente da República participa do evento.

"Sabemos quantos são, onde estão e conhecemos suas lideranças. Pretendemos começar o processo de reforma agrária com esses que estão mais tempo na fila", disse o presidente.

Ele afirmou ainda que serão liberados R$ 5,4 bilhões para financiar a safra 2003 e 2004 da agricultura familiar. "O maior e mais completo plano de safra para a agricultura familiar da história do Brasil", exaltou o presidente. Lula lembrou que em março foi aprovada uma medida provisória que garantiu a negociação da dívida de 100 mil assentados e de 130 mil famílias ligadas à agricultura.

Lula entregou ao presidente da Contag, Manoel dos Santos, um documento com as principais intenções do governo na área da agricultura e pediu que ele acompanhe ponto por ponto as ações do governo. "Recebemos de vocês um documento com cerca de 200 reivindicações. Vocês sabem que, em tão pouco tempo, não é possível resolver as 200. Mas o principal será feito", respondeu o presidente.

Ele pediu que a Contag e os demais movimentos dos trabalhadores rurais não se limitem a reivindicar, mas também a ajudar o governo na construção de uma política habitacional e educacional para os homens do campo.

No documento entregue por Lula à Contag, consta também o compromisso do governo em empregar trabalhadores rurais na construção de um programa de habitação rural; a criação de um programa educacional específico para o campo; e a intensificação da fiscalização e do combate ao trabalho informal e escravo no meio rural.

Lula se comprometeu ainda a desburocratizar o Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), facilitando o acesso do trabalhador rural ao crédito, e criar linhas de financiamento específicas para mulheres e jovens agricultores. "Em junho, faremos no Palácio do Planalto uma grande reunião para discutir cooperativas de crédito, uma forma de baratear os custos ao agricultor", anunciou.

O presidente disse ainda que determinou providências urgentes para atender famílias do semi-árido nordestino que estão sofrendo as consequências da falta de chuva na região. De acordo com Lula, serão providenciados bolsas-alimentação, cartões-alimentação, cisternas e carros-pipa para resolver emergencialmente o problema dos trabalhadores desta região.

www.pt.org.br

 
2511
Loading. Please wait...

Fotos popular