Pravda.ru

Notícias » Brasil


A DANÇA DAS CPI’S – 2ª PARTE

14.06.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Após a reação do mercado financeiro as declarações de Roberto Jefferson desfraldando o esquema de compensações dadas a alguns parlamentares, por seu apoio em votações do interesse do governo, Lula provavelmente, esta compreendendo melhor.esta classificação e que algumas vezes, alguns eventos que ocorrem no Brasil, causados pelo homem, particularmente, o político, são tão ou mais devastadores que qualquer catástrofe natural.

Entrementes, a oposição ao governo Lula no Congresso Nacional que como toda e qualquer boa oposição, está sempre buscando uma forma de dinamitar o governo, estava empenhada em implantar a CPI dos Correios para investigar as denúncias de licitações fraudulentas naquela estatal e com isso, possivelmente, implicar um dos partidos da base aliada do governo e conseqüentemente, atingir, de alguma forma,, o próprio.

Ocorre que, embora o PT tenha tentado sistematicamente obstar a implantação desta CPI, o que pode ser interpretado como confissão de culpa, esta investigação pouco produziria os efeitos desejados na estrutura do governo pois somente o ex-diretor da estatal, Maurício Marinho e seu padrinho, Roberto Jefferson e mais alguns peixes pequenos seriam atingidos.

Roberto Jefferson, a propósito, é um novo homem após a operação para diminuição do estômago e até mesmo veiculou uma propaganda em sua base eleitoral para que o povo visse sua nova imagem e não se confundisse na eleição, declarando que perdeu peso para “ser mais dinâmico”, para “ir para frente”. A propaganda também relatava que todo político era igual, mas, o Roberto Jefferson era diferente. E e por ser um político diferente que Jefferson decidiu denunciar o “mensalão”, envolvendo o PP, do imaculado Maluf e Severino e o PL, do ex-bispo da Igreja Universal, Rodrigues e também do Vice-Presidente, José Alencar, mas talvez não esteja errado quem pense que nesta lista de partidos esteja incluso, o próprio PTB e também não seria estranho se alguns parlamentares da oposição que votam com o governo, também fossem contemplados com uma mesada..

Roberto Jefferson demonstrou muita hombridade ao denunciar este esquema fraudulento que pode macular ainda mais a imagem do Congresso, mas, obviamente, não se pode imaginar nem por um instante, que Jefferson apresentou tais denúncias numa tentativa de desviar o foco de si mesmo, pois na CPI dos Correios, apenas ele seria o alvo.

Tudo estava indo tão bem para o PT: a CPI dos Correios seria instalada mas logo seria esquecida, pois o objeto de sua investigação é apenas um reles caso de licitação fraudulenta que poderia ou não resultar na cassação de um deputado da base aliada, no entanto, surgiu a denúncia do “mensalão”, que, para a má sorte da oposição surgiu após as denúncias que redundaram na CPI dos Correios, pois agora, mesmo que esteja claro que uma provável CPI do “mensalão” causaria mais danos à imagem do governo que a dos Correios, a oposição não pode agora simplesmente, mudar de foco e o governo também pensa dessa forma, pois agora não mais obsta a implantação da CPI dos Correios.

De qualquer forma, já se iniciaram os procedimentos para a instalação da CPI do mensalão, mas os líderes do PT, numa tentativa desesperada de minimizar os prováveis danos à imagem do governo que tal investigação poderia causar se caso forem comprovadas as denúncias envolvendo o tesoureiro do partido, Delubio Soares, está tentando ampliar a abrangência da investigação para que alcance também o governo FHC,

A propósito, Delúbio Soares está mesmo disposto a esclarecer este fato e até mesmo declarou que abriria seu sigilo fiscal e bancário `as autoridades para que pudessem investigar à vontade, insistiu em seu sigilo fiscal e bancário, entretanto, seria melhor que a liberação de seu sigilo telefônico fosse esquecida, pois poderia haver alguns números de telefones de alguns companheiros do PP e do PL que Delubio não poderia dizer simplesmente que estava comentando sobre futebol.

Entretanto, mesmo que se consiga isto, a imagem do governo Lula já está sobremaneira, prejudicada e se os números da economia não apresentarem alguma melhora, será muito improvável sua reeleição.

Foi uma infeliz coincidência que tudo isto esteja ocorrendo quando o Brasil sediava o IV Fórum Global de Combate a Corrupção, onde representantes de alguns países relataram suas prováveis boas técnicas de combate a corrupção onde o presidente Lula, que não citou mensalões nem correios, declarou que no Brasil o combate à corrupção tem obtido alguns resultados com a criação, por exemplo, da Controladoria Geral da União, que têm a frente, um homem que faz parte de uma lista muito restrita de homens públicos com reputação ilibada, Waldir Pires, mas as ações deste órgão, têm agarrado apenas alguns ‘peixes pequenos”.

O presidente Lula, se realmente possuísse a capacidade administrativa e pulso firme e se considerasse mais importante se inteirar dos problemas do país ao contrário de conhecer resultados de jogos de futebol, seria um bom presidente, pois é um homem íntegro, mas esta não é a realidade. O país está à deriva e é por isto que é tão fácil ser corrupto neste país.

Jose Schettini Petrópolis BRASIL

 
5428
Loading. Please wait...

Fotos popular