Pravda.ru

Notícias » Brasil


Entrevista da mãe de João Hélio Fernandes matado pelos bandidos no Rio

12.02.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Rosa Fernandes, a mãe de João Hélio, menino matado pelos bandidos no Rio,  concedeu ontem  uma entrevista  ao  programa Fantástico, da Rede Globo. A mãe reforçou o apelo por mudanças na lei, pedindo aos governantes que aprovem a ampliação do prazo de internação de jovens infratores, hoje de 3 anos, e permitam a Estados violentos como o Rio adotar leis próprias contra a criminalidade.

 Veja trechos da entrevista:
Desespero
Rosa: “O sinal estava fechado, dois homens... eles correram e foram para cima dos carros. Na mesma hora que eles entraram nos carros, dois de trás já saíram armados para cima da gente. Aí eles falaram: "Sai, sai sua vagabunda, sai.” Eu pedi: "Deixa eu tirar meu filho, sai, Aline, sai, tira o seu irmão." Puxei ele. Eu falei: "O cinto está aqui, calma que eu vou tirar, calma, calma." Ele: "Não, sua vagabunda, anda logo." Bateu a porta e arrancou. Eu tentei levantar o cinto, mas não consegui, porque ele arrancou.”
Reação
Rosa: “Só quis o meu filho. Eu queria meu filho. Quando vi que ele foi arrastado, eu sabia que não tinha como corrigir àquilo, como livrar ele da morte.”
Revolta
Rosa: “Surge uma revolta, sim, porque vejo que não são todas as pessoas que têm uma alma boa, que têm amor no coração. Tem pessoas duras, que não têm coração, que têm uma pedra no lugar do coração.”
João e Aline
Rosa: “A Aline ( a irmã de João Hélio) está péssima. Todos estamos péssimos. Ela está num momento assim, adolescente, e passou por um ato bárbaro. Ela viu como eu vi, o João sendo arrastado, e a gente não podia fazer nada. Não sei como que pode ficar a cabeça dela.”
Rosa: “João era uma criança alegre, brincalhona, falava muitas coisas engraçadas, a gente sempre ria. E agora... ficou um vazio. Na casa do meu cunhado tem crianças, ele tem 3 filhos. Eu fico pensando, meu menino aqui, brincando, cadê ele?”
Mudança no País
Elson( marido de Rosa): “Não queria que a morte dele ficasse em vão. Que tudo que vem acontecendo servisse para marcar uma fase de mudança no nosso País. As pessoas não podem sofrer como a gente está sofrendo.”

 Fonte :Rádio Grande FM 

 
2320
Loading. Please wait...

Fotos popular