Pravda.ru

Notícias » Brasil


Vereador de Londrina preso por extorsão

11.01.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O vereador de Londrina (PR) Henrique Barros (PMDB) foi preso em flagrante hoje no centro da cidade  no carro em que ele estava havia quase R$ 10 mil em dinheiro. O político vinha sendo investigado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) em parceria com a Promotoria de Defesa do Patrimônio Público há meses.  O vereador é acusado de usar seu prestígio político para favorecer empresários da cidade segundo Bondenews. 

Após prestar depoimento na Promotoria de Investigações Criminais (PIC) na noite de ontem, o vereador foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDR), onde permanecia preso na manhã de hoje (11). Segundo o promotor Cláudio Esteves, outras pessoas e crimes estariam sendo investigados mas que não poderia ainda revelar nenhum detalhe para não comprometer o andamento das investigações.

O vereador nega as acusações e alega estar sendo vítima de armação política, desde que anunciou seu interesse em se candidatar a prefeito de Londrina.

Carreira

O economista e agropecuarista Henrique Barros (PMDB) foi eleito vereador pela primeira vez em 2000 com 3.285 votos. Já presidiu a Comissão de Meio Ambiente e a Comissão de Agricultura da Câmara Municipal onde também ocupou o cargo de 3º secretário da Mesa Executiva. No ano de 2001, ganhou o título "Destaque Paraná" na política. Foi eleito para o biênio 2003/2004 como vice-presidente da Câmara Municipal de Londrina. Em 2003, presidiu a Comissão de Economia, Indústria, Comércio e Agricultura da Câmara Municipal de Londrina, para a qual foi reeleito em 2004. Recebeu o prêmio "Destaque Paraná" na política pelo segundo ano consecutivo. Em 2004, foi reeleito para a 14ª Legislatura pelo PMDB, com 5.095 votos.

Ele foi levado para uma cela no Centro de Detenção de Ressocialização.

 
1901
Loading. Please wait...

Fotos popular