Pravda.ru

Notícias » Brasil


Metrô: Mais um acordo de indenização entre proprietário foi fechado

10.07.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Metrô: Mais um acordo de indenização entre proprietário foi fechado

Mais um acordo de indenização entre proprietário foi fechado nesta terça-feira (10), representado pela Defensoria Pública, e advogados do Consórcio Via Amarela, da seguradora Unibanco/AIG e do Metrô. O beneficiado é dono de um imóvel localizado na Rua Conselheiro Pereira Pinto, perto do local do desabamento do canteiro de obras da Linha 4 (Amarela) do metrô, ocorrido em janeiro, que deixou sete mortos.

Foram fechados 52 acordos com intermediação da Defensoria - 32 com inquilinos, 19 com proprietários e um com parentes da advogada Valéria Marmit, de 37 anos, uma das vítimas fatais do acidente.

Já foram beneficiadas no total 130 pessoas (112 adultos e 18 crianças) representadas pela Defensoria Pública. Estão previstas novas audiências de conciliação para esta quinta-feira (12) na Secretaria de Justiça do Estado.

Desapropriação

Em nota, a Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania informou nesta terça-feira (10) que no final da tarde da sexta-feira passada (6), foi feita uma proposta de acordo aos moradores do prédio de número 170 da Rua Gilberto Sabino e do prédio 204 da Rua Capri.

De acordo com a nota, a prefeitura, por intermédio da secretaria dos Negócios Jurídicos, apresentou os laudos para a desapropriação dos imóveis. Segundo a secretaria, representantes do Consórcio Via Amarela garantiram que estão dispostos a analisar o quanto antes os pedidos de indenização por danos morais e materiais destes moradores.

O morador do apartamento 6 do edifício 170 da Gilberto Sabino, Antônio Manuel Dias Teixeira, confirmou a afirmação feita pela representante da prefeitura na reunião de que os imóveis na região serão desapropriados (cinco imóveis que ainda restam).

Segundo ele, ao longo da tarde desta terça-feira serão realizadas reuniões individuais entre os moradores e a Defensoria Pública para discutir os valores da proposta de desapropriação.

Fonte G1

 
2089
Loading. Please wait...

Fotos popular