Pravda.ru

Notícias » Brasil


Genoino: Ibope aponta sintonia com militância

08.07.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

"A mídia vive dizendo que a direção do partido diz isso, a direção do PT pensa aquilo, como se houvesse uma distância grande entre nós. Pois vimos que não há", afirmou.

A pesquisa aponta concordância maciça com as ações do governo, confiança no presidente Luiz Inácio Lula da Silva e grande satisfação com o partido.

Para Genoino, os resultados do levantamento demonstram a vitalidade do partido, o alto grau de conscientização política dos filiados e a preparação do partido para ser governo. "Mais de 80% dos entrevistados pelo Ibope não têm cargo na estrutura partidária, são apenas filiados, e mostraram que estão sintonizados com as prioridades do país", destacou o presidente do PT.

A sintonia aparece, entre outros momentos, na priorização das próximas reformas a serem discutidas pelo governo. Em primeiro lugar, os entrevistados citaram a reforma agrária, seguida pela trabalhista e pela do Judiciário. "Essas são, sem dúvidas, reformas prioritárias e assim serão tratadas pelo governo", disse Genoino, que entregou os resultados da pesquisa ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva na última sexta-feira.

Ele ressaltou que o partido será dirigido com uma atenção especial para sua base. "Vamos dirigir o PT numa relação direta com o filiado. Essa é uma novidade e uma exigência num partido de massa como o nosso." A última vez que a base do partido foi ouvida ocorreu em 2001, quando houve eleição direta para o Diretório Nacional e para a presidência do partido, quando foi eleito José Dirceu.

O presidente do PT reiterou ainda que o levantamento não tem como objetivo tornar-se um instrumento de pressão para parlamentares que ameaçam não votar de acordo com a bancada. "A unidade de ação é uma questão histórica que permeia os 23 anos do PT e é inegociável. Nós quisemos ouvir a base do partido porque é nosso dever estar em sintonia com a base", concluiu. Para Genoino, a mobilização e a força do partido, demonstradas com a pesquisa, ajudarão a preparar as eleições municipais de 2004.

Custos

A pesquisa encomendada ao Ibope custou R$ 60 mil, valor pago em duas parcelas, segundo informou o secretário nacional de Finanças do PT, Delúbio Soares. A despesa já estava prevista nas Diretrizes Orçamentárias do PT de 2003, aprovadas pelo Diretório Nacional.

Delúbio afirmou que essa pesquisa servirá ainda como auxílio para a realização da campanha nacional de filiação, que visa expandir de 420 mil para pelo menos 600 mil os filiados ao PT até junho do próximo ano, quando as campanhas municipais estarão tomando as ruas do país com mais intensidade.

O secretário de Finanças anunciou que o PT e o Ibope estão discutindo a realização de um conjunto de outras pesquisas para preparar o partido para as eleições municipais de 2004.

www.pt.org.br

 
2895
Loading. Please wait...

Fotos popular