Pravda.ru

Notícias » Brasil


Rice Preocupada

06.06.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Que qualquer político dos Estados Unidos da América pudesse ser suficientemente audaz para exigir qualquer coisa que fosse da América Latina, um continente que tem sido devastado pela ingerência criminosa e intrusão assassina de Washington, é inaceitável. Que essas palavras pudessem provir de Condoleeza Rice, pedra-de-toque do regime de Bush, cuja história fala por si, é incompreensível.

A falta de tacto, de diplomacia e boas maneiras da Condoleeza Rice foi mais uma vez visível logo no início da Cimeira da Organização dos Estados Americanos em Flórida, onde usou o seu discurso inaugural para exprimir as suas preocupações acerca da situação na Bolívia, no Equador e em Haiti.

Se não fosse a insolência e pura arrogância desta fala-barato, seria até engraçado, pois cá está uma senhora, supostamente inteligente, a representar a diplomacia do seu país, falando duma défice democrática num país, cujo líder democraticamente eleito, Aristide, foi removido por Washington à força de armas simplesmente porque estava distribuindo a riqueza de Haiti numa base mais igualitária. Falar assim de Haiti é admitir que a política externa de Washington falhou rotundamente.

Actos de chacina, tortura numa escala vastíssima, o assassínio de dezenas de milhares de civis inocentes, fala de viva voz acerca desta política actualmente e historicamente, os engenhos de Washington na América Latina têm demonstrado múltiplos actos de interferência assassina, actos de pura pirataria e terrorismo.

Foi Washington, e não Osama bin Laden, que inventou a táctica de embater aviões em edifícios públicos no dia 11 de Setembro mas estamos a falar em Santiago del Chile e não Nova York, quando o regime sanguinário de Pinochet foi instalado no poder. Foi Washington que organizou a Operação Condor, uma onda de opressão Fascista criminosa e cruel, responsável por inúmeros mortes e desaparecimentos no Continente.

Foi Washington que tem sistematicamente apoiado regimes fascistas e anti-democráticos na América Latina, massacrando as populações e retirando os recursos destes países do seu devido lugar – nas mãos dos povos da América Latina.

Finalmente, quando Condoleeza Rice menciona uma défice democrática na América Latina, ela deveria lembrar-se que não foram os países da América latina que chacinaram os civis no Iraque, não foram as populações dos países da América Latina que votaram pelas ditaduras impostas sobre elas por Washington e que o único sítio na América Latina onde se perpetram actos sistemáticos de tortura é no campo de concentração de Guantanamo Bay.

Timothy BANCROFT-HINCHEY PRAVDA.Ru

 
2697
Loading. Please wait...

Fotos popular