Pravda.ru

Notícias » Brasil


FPF qualifica crianças e adultos de baixa escolaridade

05.06.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Buscando oportunizar adultos com baixa escolaridade, bem como preparar crianças e adolescentes, com idade entre seis e 15 anos, para o concorrido mercado de trabalho, a Fundação Desembargador Paulo Feitoza (FPF) vem investindo na qualificação desta parcela da sociedade, através dos 15 centros de treinamento de informática que ela mantém por meio do sistema de parceria. Até então, somente jovens com idade a partir de 16 anos, que estivessem comprovadamente cursando a 8ª série do ensino fundamental, eram beneficiados com o programa.

A idéia de expandir o ensino de informática para crianças, adolescentes e adultos com baixa escolaridade, saiu do papel há três meses com um resultado significante de 160 formandos que receberão o certificado no próximo sábado, às 8 horas, por ocasião da inauguração do Centro de Informática Grande Vitória, na rua Maringá, 432, bairro Grande Vitória, na Zona Leste.

Para implantação do projeto, a FPF instalou um laboratório de alfabetização digital com 20 computadores, sendo utilizado um por aluno. O curso é gratuito, com 90 horas de treinamento (duas horas diárias de aula, durante três meses), capacitação profissional no módulo básico de informática (Windows, Word e Excell).

De acordo com dados da FPF, o objetivo do programa é dar apoio escolar às crianças para aprender informática através de softwares educacionais, recortes e gravuras, fitas de vídeo. E ainda: melhorar a leitura das crianças e a coordenação motora fina e grossa. O material utilizado pelas crianças foi preparado pela FPF, de acordo com a faixa etária.

A criação das turmas para adultos com baixa escolaridade visa principalmente melhorar a qualidade de vida, proporcionando conhecimento sobre as ferramentas básicas do computador e, desta forma, oferecer assegurar novos postos no mercado de trabalho.

Para implantação do laboratório de alfabetização digital, a FPF conta com o apoio da empresa Denys&Lopes Advogados e da instituição não-governamental estrangeira, Manos Unidas. A sustentabilidade dos 15 centros de treinamento da FPF é feita com a participação de importantes parceiros, como as empresas Siemens, Nokia, Philips e a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa).

Na formatura do dia 4 receberão certificados: 40 adultos; 40 crianças de seis a oito anos; 40 crianças de nove a 11 anos e 40 adolescentes de 12 a 15 anos.

 
2453
Loading. Please wait...

Fotos popular