Pravda.ru

Notícias » Brasil


Oposição com Humor

05.02.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A nação rubro-negra deve estar preocupada. O presidente do Flamengo, Márcio Braga, anuncia que vai dar um cargo ao marqueteiro Duda Mendonça, para que ele mude a cabeça do clube, da torcida e dos jogadores. A cabeça do PT e do governo, com a competência de sempre, Duda conseguiu mudar. Se o marketing no futebol seguir a mesma linha que adotou no governo teremos em breve flamenguista carregando a bandeira do Vasco.

Esse mesmo marketing reuniu no Palácio do Planalto, em grande solenidade, ministros, governadores, empresários e a sociedade para ouvir o presidente da Republica, com euforia, comemorar a construção de cisternas pelo país afora.

Pelo discurso, ficou claro que nunca se cavou tanto buraco nesse país, fato que não exigiria a presença do presidente para se anunciar. Para quem pretende iniciar uma revolução na política social, começar com cisterna demonstra, digamos, certo amadorismo.

Ministros na chuva

Como tudo que exige mobilização causa certo frisson entre os integrantes do governo petista, acertar os ponteiros para se definir como ajudar as vítimas da chuva está sendo meio difícil. A começar pelo balanço, número de vítimas, desabrigados etc. Conforme a mídia registra, o ministro Ciro Gomes recebeu um relatório com erros, e tripudiou em cima disso. Depois veio a dúvida: ir ou não aos locais mais afetados? O fato é que o presidente, constatando que o bate-cabeça continua, cobrou mais agilidade da equipe. Mas a comunidade que sofre na pele os problemas causados pelas enchentes, mais uma vez, está sendo prejudicada pela burocracia e pelo marasmo do governo que nunca sabe tomar decisões.

Se servindo dos servidores

O jornalista Élio Gaspari, em seu artigo de hoje no jornal O Globo, analisa com exatidão a verdadeira intenção do governo, ao anunciar a contratação de 40 mil servidores para ocupar cargos em comissão Brasil afora. Diz ele: " de tanto defender as idéias que não tem, o comissariado petista desaprendeu a defesa das idéias que tem. Encastelou-se de tal forma na retórica da desqualificação, que perdeu a capacidade de argumentar". O jornalista, em sua crítica, registra aquilo que a oposição já denunciou e autoridades, do próprio governo, também condenam. Ou seja, a nomeação de milhares de servidores, sem concurso publico, com a hipócrita argumentação de que seria para ajustar a máquina administrativa.

Samba do crioulo doido

Na tentativa de amainar as turbulências do mercado financeiro, o ministro da Fazenda, Antonio Palocci Filho, veio ontem a público dar suas explicações. Ele garantiu que não há o menor risco de volta da inflação e que os juros continuarão caindo. Até aí tudo bem, não fosse o fato de as justificativas apresentadas na ata do Copom para a manutenção dos juros em 16,5% terem sido justamente o oposto do que disse Palocci, ou seja, a manutenção se deveu sim ao receio da volta da inflação. Será que é essa profusão de informações contraditórias o que eles chamam de autonomia do BC? Vá saber...

O transformismo do PT como matéria-prima

Já estão nas livrarias duas novas obras que analisam a trajetória recente do PT. A primeira, A estrela não é mais vermelha: as mudanças do programa petista nos anos 90, de Oswaldo E. do Amaral, tenta explicar o que levou à radical transformação do PT na última década. A segunda, As transformações do PT e os rumos da esquerda no Brasil, coordenado por Felipe Demier, é um conjunto de entrevistas de políticos que estão à esquerda do PT. A se julgar pelo excesso de matéria prima fornecida pelo transformismo petista, o mercado editorial não terá porque chorar.

PSDB

 
3773
Loading. Please wait...

Fotos popular