Pravda.ru

Notícias » Brasil


Inundações deixam 100 000 sem casa

04.02.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O Brasil enfrentou nestas últimas semanas uma calamidade natural que se foi transformando em estado de emergência em vários estados no nordeste, centro-oeste e sudeste do país, culminando na destruição de 4.206 casas, na danificação de 28.356 outras, 41.147 pessoas com as suas casas destruídas e outras 63.178 que tiveram de fugir das suas casas em zonas de risco. Morreram 84 pessoas e 111 ficaram feridas.

A situação está pior em Alagoas, Ceará, Pernambuco, Piauí, e Sergipe, no nordeste. Em Piauí, metade das cidades do estado foram atingidas, que resultou em 50.000 pessoas serem diretamente afetadas, num custo total de cerca de 25 milhões de Reais. 22 pessoas morreram em Pernambuco, onde 3.000 habitações foram total ou parcialmente destruídas.

No Ceará, a situação de emergência foi declarada em oito municípios e em outros quatro, o estado de calamidade pública. 12 pessoas morreram; 27.000 desabrigadas ou desalojadas. Outras oito pessoas morreram no Sergipe, onde 50% dos alimentos foram destruídos. Em Alagoas, morreram seis pessoas e ficaram sem casa 2.410.

Presidente Lula chamou uma reunião de emergência no Planalto, atendido por 12 ministros, onde foi informado que a intempérie pode piorar em Março ou Abril. Ciro Gomes, o Ministro da Integração Nacional, anunciou a criação do Centro Nacional de Risco e Prevenção e um fundo imediato de 32 milhões de Reais do governo federal.

Declarou ainda que “nunca houve nada parecido” e que o governo está trabalhando com a máxima flexibilidade.

Presidente Lula cancelou sua agenda para os próximos dias para visitar as áreas mais afetadas, nomeadamente em Pernambuco e Piauí, entre outras zonas ainda por definir.

Márcia MIRANDA PRAVDA.Ru BRASIL

 
1798
Loading. Please wait...

Fotos popular