Pravda.ru

Notícias » CPLP


Erosão do Poder

29.04.2014 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Erosão do Poder. 20234.jpeg

O gozo do poder é entremeado de cólicas...A autocracia, agonizante, ainda respira; mas é por pouco tempo... Estamos falando de menos previsibilidade, concorrências mais acirradas e mais barreiras para por decisões em práticas... 

O Governo não tem força para impor suas exigências. O que de fato existe, hoje, é uma erosão do poder. O poder governamental está se degradando, com base no impacto das redes sociais, que apontam para essa realidade; não tanto para o desaparecimento, mas para fragmentar do poder.  O povo está mais informado e ávido para ver a derrocada do Governo, através de um manifesto de esperança... Um somatório de avanços materiais e sociais tem levado ao progresso civilizatório.

O planeta se move; os jovens viajam, estudam, pesquisam e possuem uma ferramenta fantástica nas mãos. A Internet. As redes sociais, respondem com eficácia à situação de desespero e morte por que está passando cada homem, cada mulher, cada família e cada comunidade, aprisionados nas celas da injustiça social. O Governo tem um coração de ferro. O do povo é carne e sangra todo dia...

Urge, pois, a necessidade de libertar definitivamente o negro brasileiro da senzala eterna, para que eles possam caminhar livres, deixando para trás as amarras da opressão e afastar o sudário do analfabetismo e da ignorância que impede a visão dos seus direitos fundamentais. As plataformas digitais conseguem trazer a política para o dia a dia das pessoas, sobretudo, dos jovens. O que se vê nas ruas é o reflexo de um debate que já estava acontecendo na internet há muito tempo.

Os jovens estão engajados, trocando informações, buscando conhecimentos, se organizando, debatendo e denunciando. E agora vão para as ruas muito bem informados, com questionamentos específicos, ressaltando os atos que evidenciam as discussões on-line. Não tem mais essa, do que é real e o que é utópico. O que acontece na internet é real.

São pessoas debatendo, virtualmente, temas reais e necessários.A população nas cidades superou as áreas rurais. É no ambiente urbano, desde sempre, que florescem o pensamento crítico e a contestação ao poder. Difícil não perceber como as redes sociais e os smartphones deixam o Governo vulnerável.

A erosão era um desgaste progressivo e lento, até a chegada do Facebook, que tem o condão de acelerar o processo que corrói a estrutura do poder.  Hoje os jovens são mais numerosos e vivem bem informados, tornando-se mais difíceis de regular, controlar e dominar suas atitudes.

O universo virtual se expandiu a uma velocidade maior que o previsto. O resultado é que com mais informação o povo escreve, opina, argumenta e publica suas idéias...

O fim do poder está vinculado à revolução do pensamento. Não é a privação que produz a revolta, mas a esperança... As pessoas simplesmente querem "mais" e percebem que dispõem de "poder" para exigir. O povo tem a força e o direito de acabar com a oligarquia ditatorial e mandar embora esses políticos corruptos, desprovidos de ética e que não estejam a serviço da sociedade.  

E vão conseguir, certamente, porque ninguém pode tudo, sobretudo ninguém pode sempre!!.
Manoel Lobo

 
3966
Loading. Please wait...

Fotos popular