Pravda.ru

Notícias » CPLP


Opinião: Direitos humanos, para os humanos

14.07.2010 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Tem gente que não é gente, e é um erro da sociedade, e em especial dos defensores dos direitos humanos, continuarem a alargar os espaços de liberdade e de atuação dos inimigos do gênero humano, os ladrões, os torturadores, aqueles que equivocadamente são vistos como vítimas da exploração capitalista, quando são, na verdade, o paradigma do que o capitalismo é: predomínio único e exclusivo do interesse e do benefício pessoal, anulação total e completa, negação do outro.


Eu sei que os meus amigos da esquerda e os defensores dos direitos humanos tem as suas razões para pensarem como pensam e para agirem como agem. Mas eu tenho as minhas razões também, para pensar que a esquerda e os defensores dos direitos humanos estão profundamente e esencalmente equivocados no que diz respeito ä natureza humana, e ao modo como os delinquentes devam ser tratados.


Eu sei que os bandidos que invadiram a minha casa e me ameaçaram, junto com a minha esposa, nos amarrando e nos deitando no chão, nos ameaçando com faca e revólver, cometeram tortura psicológica, privação ilegítima da liberdade, invasáo de privacidade, além de roubo. No entanto, isto brevemente será esquecido. Brevemente estarão de novo nas ruas, a repetir os seus crimes, a sua falta total de respeito ao ser humano, sua malfadada manía tão capitalista, de se preferirem por cima de tudo e de todos: primeiro eu, sempre eu, a qualquer preço.


A esquerda e os dfensores dos direitos humanos esquecem que há gente que náo é gente. E quando a sociedade baixa a guarda, o inimigo da vida entra. É necessário que estejamos todos preparados para defender a vida dos inimigos da vida. Para isso, há que saber que o mal deve ser combatido sem atenuantes. Ou todos pagaremos o preço.

RL

In www.consciencia.net

 
1846
Loading. Please wait...

Fotos popular