Pravda.ru

Notícias » CPLP


Opinião: A Justiça como recompensa

08.11.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A Justiça no Brasil serve para isso: proteger bandidos! Os eventos dos últimos dias revelam isso. Policiais presos no Rio de Janeiro por extorsão e defesa do crime organizado são libertados por força da Justiça. E, já à saída da prisão, revelaram, sem constrangimento algum, a quem servem, soltando foguetes no ar bem ao modo dos traficantes nas favelas.

A Justiça no Brasil serve para isso: proteger bandidos! Os eventos dos últimos dias revelam isso. Policiais presos no Rio de Janeiro por extorsão e defesa do crime organizado são libertados por força da Justiça. E, já à saída da prisão, revelaram, sem constrangimento algum, a quem servem, soltando foguetes no ar bem ao modo dos traficantes nas favelas.

Fiado na mesma certeza de impunidade e ineficiência, o ex-governador da Paraíba Ronaldo Cunha Lima renunciou ao seu mandato de senador como forma de aproveitar as benesses da nossa Justiça e levar o julgamento para a Justiça Comum da Paraíba, arrastando a decisão do caso por mais alguns anos de liberdade e curtição. Tudo, na certeza da morosidade de nossa Justiça, aquela que anda de olhos bem abertos para punir os justos e libertar os pecadores, sabendo bem quem pode se voltar contra os seus estafetas.

A grande verdade é que a nossa justiça tupiniquim não é igual para todos. Os políticos gozam de foro privilegiado, ou seja, dos privilégios e generosidades assegurados pela nossa Constituição. Uma completa falta de ética que assegura a falta de decoro.

Os militares, aqueles que deveriam ser a encarnação da Justiça em uma sociedade, contam sempre com o corporativismo e solidariedade dos companheiros de farda e princípios, sendo julgados pela Justiça Militar.

Todos, antes de cometer qualquer crime, colocam na conta os privilégios, as brechas, a inoperância do sistema, a tolerância dos parceiros e a certeza da impunidade que patrocina a pátria dos milhões de inocentados, todos vivendo em nosso meio e constituindo o país dos privilegiados.

É essa Justiça que está aí que financia os novos contraventores, que dão a eles a certeza de que o crime compensa, e muito. Quem duvidar disso, pergunte ao ex-juiz Nicolau, ao Marcos Valério, ao Delúbio Soares, ao Pimenta Neves, todos eles, com certeza, terão apenas um sorriso maroto como resposta.

http://petroniosouzagoncalves.blogspot.com

 
2415
Loading. Please wait...

Fotos popular