Pravda.ru

Notícias » CPLP


Fogo volta à Portugal

05.06.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Fogo volta à Portugal

Na Serra do Marão 111 bombeiros combateram um incêndio causado pela queda de um parapente com motor auxiliar. O fogo começou ontem de manhã com a explosão do depósito de combustível de uma Asa Delta, junto à pousada do Marão. O piloto morreu e a floresta começou a arder de tal forma que o IP4 esteve cortado ao trânsito das 14h00 às 20h00 da noite. O incêndio destruiu mais de 350 hectares de pinhais novos que tinham sido plantados para substituir os destruídos num outro grande incêndio em 1985.

Na última semana, 9.174 bombeiros combateram um total de 1.067 incêndios florestais. E em 2005, os incêndios florestais custaram a vida a 16 pessoas e destruíram uma área de 325.226 hectares em Portugal.

Entretanto, bombeiros combateram o outro grande incêndio, iniciado sábado à tarde, em Vale da Galega, Águeda. Foram precisos 160 bombeiros, 35 viaturas, três pelotões militares e mais de 36 horas de combate às chamas para circunscrever o incêndio que tinha reacendido às 14h00 ontem.

Mais um incêndio foi combatido, na Ribeira do Vascão, no Concelho de Mértola, Distrito de Beja, que se iniciou ao fim da tarde ontem, as chamas foram combatidas por 48 bombeiros, apoiados por 15 viaturas, ao longo de nove horas e meia.

No norte do país, os bombeiros continuam a trabalhar no combate а s chamas que, desde domingo, deflagram em Amarante e na localidade de Fragoso, concelho de Barcelos.

O incéndio que deflagrou na manhã de domingo em Amarante, distrito do Porto, está em fase de rescaldo desde as 7:47 de hoje, segundo o Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil (SNBPC).

 
1733
Loading. Please wait...

Fotos popular