Pravda.ru

Notícias » Negόcios


Rebelião popular no Chile de Pablo Neruda, Salvador Allende e Víctor Jara

29.10.2019 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Rebelião popular no Chile de Pablo Neruda, Salvador Allende e Víctor Jara. 32007.jpeg

Rebelião popular no Chile de Pablo Neruda, Salvador Allende e Víctor Jara

 

Autor: 

CONSELHO POLÍTICO NACIONAL

"Protesto por tanta injustiça, por tanto abuso e porque nossa voz não é ouvida jamais", diz uma pessoa anônima, um perfeito e corrente desconhecido na Plaza Ñuñoa de Santiago.

O presidente da ultra direita Sebastián Piñera, peça chave de Washington na América do Sul, decretou no dia 19 deste mês o estado de exceção, ao mesmo tempo em que anuncia um aumento do número de homens das Forças Especiais de Carabineiros e deixa a Segurança Nacional em mãos do General Iturriaga, sendo proibidos os protestos, as reuniões públicas e a mobilização, buscando calar a inconformidade popular que se levanta em rechaço ao aumento no preço do transporte, numa sociedade a cada dia mais excludente e com grandes desigualdades sociais.

Desde há décadas os porta-vozes do neoliberalismo vêm querendo mostrar o Chile como exemplo de crescimento econômico, ocultando, por sua vez, que por trás dessa aparente bonança se escondem mazelas de um modelo econômico que não faz mais que concentrar a riqueza produzida pelos trabalhadores em mãos de umas castas privilegiadas que se apoderam do produto do trabalho coletivo. Para o caso chileno, o neoliberalismo é resultado de uma das mais criminais ditaduras militares de que se tem notícia no hemisfério ocidental.

A desigualdade social, a destruição do país, a precarização da vida e as arbitrariedades constantes fazem com que o povo se levante em luta libertária. O ocorrido deixa ver que outro Chile está nascendo, um Chile soberano, independente, trabalhador, culto, de braços abertos para a integração com os países irmãos. Sopram ventos de mudanças na Pátria Grande. Um mundo distinto é possível.

Nos fazem rir escutar que por trás dos recentes levantamentos de Equador e Chile se esconde uma conspiração internacional; aqueles que conspiram contra os povos, obrigando-os a se levantarem, são os governos indolentes que aplicam sua tábua rasa, políticas econômicas e sociais que vão na contramão dos interesses das maiorias.

 

CONSELHO POLÍTICO NACIONAL, FORÇA ALTERNATIVA REVOLUCIONÁRIA DO COMUM-FARC

Bogotá, 22 de Outubro de 2019

Tradução > Joaquim Lisboa Neto

Foto: https://pt.wikipedia.org/wiki/Protestos_no_Chile_em_2019#/media/Ficheiro:Protestas_en_Chile_20191022_07.jpg

 

 
3064

Fotos popular