Pravda.ru

Notícias » Negόcios


Belarus tem um dos menores índices de mortalidade infantil do mundo

24.07.2018 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Belarus tem um dos menores índices de mortalidade infantil do mundo. 29182.jpeg

Belarus tem um dos menores índices de mortalidade infantil do mundo

No decorrer de 2018, somente duas mortes para cada mil crianças nascidas vivas foram registradas em Belarus, um recorde no país.

De acordo com o canal Belarus 1, a diminuição dos casos fatais se deu graças ao desenvolvimento da neonatologia e do tratamento de patologia espinhal.

Em 2017, o país registrou uma taxa de quatro mortes para mil nascidos vivos, segundo levantamento do CIA World Factbook. É uma das menores taxas entre os países da Europa Central e Oriental. O melhor índice é de Mônaco, Japão, Islândia e Cingapura, todos com duas mortes para cada mil crianças nascidas vivas.

Belarus tem mantido um dos melhores índices nesse quesito já há alguns anos. Em 2013, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento reconheceu que o país havia alcançado as Metas de Desenvolvimento do Milênio, entre elas uma taxa de mortalidade infantil de 3,2 para cada mil crianças nascidas vivas e a 25ª posição no ranking mundial de cuidados pré-natal.

Uma das heranças do período soviético é o sistema público de saúde de Belarus. Esse é um dos muitos setores que não foram privatizados após a queda da União Soviética, ao contrário do que fizeram a maioria das demais ex-repúblicas soviéticas.

O sistema de saúde é financiado pelo Estado e 93% dos serviços médicos são fornecidos pelo setor público. Além disso, o país conta com 43,7 médicos para cada dez mil habitantes, um índice mais alto que a média dos Estados membros da União Europeia, que é de 31,5.

Por isso, a cada ano mais de 200 mil pacientes, provenientes de 122 países, vão a Belarus para ter acesso a tratamento e reabilitação.

 

Eduardo Vasco, Pravda.Ru

 

Foto: Arne Hjorth Johansen/Flickr (CC BY-SA 2.0) https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/

 

 
2466
Loading. Please wait...

Fotos popular