Pravda.ru

Mundo

Abbas estuda a possibilidade da mediação da Rússia

30.07.2007
 
Abbas estuda a possibilidade da mediação da Rússia

O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas chegou hoje (30) à Rússia com uma visita de quatro dias. Amanhã terá um encontro com presidente Vladimir Putin e hoje acabou de reunir-se com o ministro das Relações Exteriores, Serguei Lavrov. Lavrov declarou após o encontro que a Rússia apóia "firmemente" o presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, como "dirigente legítimo de todos os palestinos".

"O apoiamos firmemente como dirigente legítimo de todos os palestinos", disse. Esta é a primeira viagem de Abbas à Rússia desde que o movimento islâmico Hamas tomou o poder à força em Gaza no dia 15 de junho.

 O líder da ANP abordará com os dirigentes russos a recente proposta israelense de retomar as negociações para a criação de um Estado palestino nas fronteiras de 1967, com capital em Jerusalém Oriental.

 Na agenda de Abbas está também a iniciativa do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, de realizar uma conferência internacional sobre o conflito palestino-israelense em setembro.

Ao contrário de Estados Unidos, União Européia e Israel, a Rússia não considera o Hamas uma organização terrorista. E é único país que mantem os contatos com Hamas. Na agenda não declarada  está a possibilidade da mediação da Rússia  nas negociações entre Fatah e Hamas.   Lavrov conversou por telefone na quinta-feira com o líder do Hamas, Haled Mashal, que lhe assegurou que "nada impede a cooperação entre os movimentos Fatah, liderado pelo Abbas, e o Hamas em prol da criação do Estado palestino".

Segundo o jornal Kommersant, Moscou prometerá ao líder palestino o envio em breve de 50 carros blindados destinados às forças de segurança da ANP.

 por Lyuba Lulko 


Loading. Please wait...

Fotos popular