Pravda.ru

Mundo

Raúl Reyes (FARC) envia mensagem ao Presidente Ortega

29.11.2006
 
Raúl Reyes (FARC) envia mensagem ao Presidente Ortega

Ao Povo Nicaragüense

À Frente Sandinista de Libertação Nacional - FSLN

Ao Presidente Daniel Ortega Saavedra.


Manágua [Nicarágua]

Em nossas trincheiras bolivarianas recebemos com grande alegria a notícia do regresso do General de Homens Livres a sua Nicarágua, no dia das eleições, pois milhares e milhares de mulheres e homens confirmaram com seu voto rubro-negro o afirmado por ele: "Só os operários e campesinos irão até o fim, só sua força organizada logrará o triunfo!" Nesse dia, a Nicarágua se converteu num Niquinohomo! Felicitações!

Com toda propriedade, a maioria dos nicaragüenses celebra a vitória das bandeiras da Soberania e do Antiimperialismo, consagradas por Sandino para sempre em Las Segovias, quando, com um punhado de não mais de trinta compatriotas e ajudados por várias heróicas mulheres, iniciou sua lutra bravia contra os marines norte-americanos, até que os expulsou do solo pátrio!

Aqui na Colômbia, também começou da mesma maneira. Duas mulheres e 46 homens foram selecionados numa Assembléia pelos habitantes de Marquetalia, para enfrentar a agressão militar programada para três semanas pela oligarquia e pelo Imperialismo. Só que, com o apoio do povo, esse contingente de valentes combatentes, desde então, vem resistindo, organizando-se, preparando-se e crescendo a ponto de ser já uma alternativa real de Poder que tem em suas mãos a Plataforma de um Governo de Reconciliação e Reconstrução Nacional. Assim como as propostas de troca de prisioneiros e de diálogos por uma saída política ao conflito social e armado de mais de 50 anos.


Sandino disse: "Jamais trairei minha causa. Por isso sou filho de Bolívar". E, seguindo a idéia precursora da integração dos países compreendidos entre o Rio Bravo e a Patagônia concebida pelo Libertador, escreveu em El Chipotón, Las Segovias, o "Plano de Realização do supremo sonho de Bolívar", em 20 de março de 1929. A integração de nossos povos, mais cedo que tarde, será uma realidade ineludível!
Nas obras e ações de Rubén Darío, Capitão do Verso, de Sandino, Poeta da Espada, e do estrategista Carlos Fonseca Amador, têm vocês as bases principais de sua luta pela Justiça Social, Soberania, Autodeterminação e por uma Nicarágua digna de mulheres e homens livres, forjadores de seu destino. Este é o componente político que também surge com força em toda Nossa Grande Pátria Latino-americana e Caribenha.


A nossos acampamentos bolivarianos da Nova Colômbia chega como trazido pelo vento o tropel da luta multicor e polifacética de nossos povos que avançam com firmeza e decisão para a criação de um universo político de novo tipo, que tem por base nossa história, por luz o legado de nossos próceres e por destino Pátrias novas, com Justiça Social, soberanas, integradas como irmãs e vivendo em Paz.

Nos sentimos imersos em meio a essa torrente libertária que nos enche de otimismo e fortalece nossas convicções, pois, como diz Bolívar, "unidos seremos invencíveis". Por isso estamos abertos ao estabelecimento de relações com os Governos e Povos dessa região, sabendo que nos une e irmana um objetivo comum: A luta pela Segunda e Definitiva Independência!
Finalmente, desfrutem da vitória! Que cada dia seja um passo à frente na enorme tarefa de reconciliar e reconstruir a Pátria rubro-negra com o esforço de todos os que querem e lutam por um país justo, digno, independente e soberano! Nesta oportunidade, Bolívar e Sandino terão se reencontrado!
Saudações sandinistas e bolivarianas!


FARC-EP, Comissão Internacional
Raúl Reyes
Montanhas da Colômbia, 15 de novembro de 2006


Loading. Please wait...

Fotos popular