Pravda.ru

Mundo

Prisioneiros Saharauis em greve de fome

23.03.2010
 
Pages: 12

A um outro nível, apesar de a investigação ter sido concluída pelo juiz de investigação do tribunal militar em 31 de Dezembro de 2009, até à data da presente carta, não foi determinada nenhuma data para o processo judicial, em particular por um tribunal especial que não admite nenhuma possibilidade de recorrer da sua decisão, bem como a sua falta de independência e integridade, sendo utilizado pelo Poder Executivo para intimidar e punir os opositores ao sistema político de Marrocos.

Em conclusão, reiteramos os nossos agradecimentos pelo trabalho que estão a fazer com vista à nossa libertação, sem restrições nem condições, e pela libertação de todos aqueles que estão presos pelas suas opiniões e, estamos certos, os valores dos direitos humanos prevalecerão, não obstante a repressão, porque é inevitável que prevaleçam, pois eles são efectivamente a personificação real da vontade verdadeira e esclarecida dos povos do mundo livre.

Defensores dos Direitos Humanos Saharauis / Prisioneiros de consciência:

- Edegja Lachgar (perseguida em liberdade condicional)

- Ali Salem Tamek

- Brahim Dahane

- Ahmed Naciri

- Yahdih Etarrouzi

- Saleh Lbaihi

- Rachid Sghayer
Pages: 12

Loading. Please wait...

Fotos popular