Pravda.ru

Mundo

Falece o escritor José Saramago

20.06.2010
 
Pages: 12

O primeiro livro da trilogia foi levado ao cinema, em 2008, pelo diretor brasileiro Fernando Meirelles, sob o título de "Blindness". Seus inegáveis méritos como romancista foram por fim reconhecidos em 1998 com o PrêmioNobel de Literatura, que lhe outorgaram por haver criado uma obra na qual, "mediante parábolas sustentadas com imaginação, compaixão e ironia, nos permite continuamente captar uma realidade fugidia".

Noss últimos anos, Saramago não deixou passar muito tempo entre um romance e outro. Estava consciente de sua idade e, se tinha "ainda algo para dizer", o melhor é que o dissesse "o quanto antes". Ainda que também dissesse que "chegará o dia em que se acabarão as ideias, e não acontecerá nada". Fruto dessa urgência para contar foram seus romances "A caverna" (2000); "O homem duplicado" (2002); "As intermitências da morte" (2005); "As pequenas memórias" (2006); "A viagem do elefante" (2008); e "Caim" (2009), o último romance desse grande escritor.

Entre suas obras figuram também os autobiográficos "Cadernos de Lanzarote I e II" (1997 e 2001). Saramago estava consciente do poder que tinha a internet para difundir qualquer ideia e, em setembro de 2008, começou a publicar seu blog, intitulado "O caderno". Foi "um espaço pessoal na página infinita da internet", segundo suas palavras. A morte o surpreendeu quando preparava um romance sobre a indústria do armamento e a ausência de greves nesse setor, ou ao menos essa era a ideia que queria desenvolver, segundo disse quando apresentou "Caim", em novembro de 2009.

Saramago morreu acompanhado de sua família, despedindo-se de uma forma serena e plácida, indicou num comunicado a fundação que leva seu nome.

18/06/2010

http://www.socialismo.org.br/portal/critica/1572-falece-o-escritor-jose-saramago

Pages: 12

Loading. Please wait...

Fotos popular