Pravda.ru

Mundo

África Central: 11 milhões de refugiados

20.05.2009
 
África Central: 11 milhões de refugiados

RD Congo e Somália têm cada 1,3 milhões de refugiados, de acordo com o OCHA (Gabinete pela Coordinação dos Assuntos Humanitários, da ONU), que refere que 16 outros países africanos na região relataram um total combinado de 11 milhões de refugiados no fim de Março de 2009.

Os países de acolhimento dos refugiados são Burundi, República dos Camarões, Rep. África Central, República do Tchad, Djibouti, RD Congo, Eritreia, Etiópia, Gabão, Quénia, República do Congo, Ruanda, Somália, Sudão, Tanzânia e Uganda.

A República do Tchad, Quénia, Sudão e Tanzânia continuam a ter o número maior de refugiados na região, cada país hospedando mais que 250.000 refugiados no fim de Março de 2009.

O OCHA disse que entre as causas do deslocamento eram ataques repetidos pelo Exército de Resistência do Senhor em Uganda no nordeste da RD Congo e na luta renovada na província de Kivu Norte.

Também, as hostilidades em curso em Somália conduziram a um influxo dos refugiados ao Quénia, onde os três acampamentos no complexo de Dadaab são congestionados com uma população de uns 258.000 refugiados - ou quase três vezes sua capacidade original - até à data de março 2009.

Além dos conflitos, o deslocamento é provocado igualmente por disastres naturais tais como inundações e secas, criando grandes movimentos nas regiões transfronteiriças da população. A falta do acesso a recursos devido à insegurança e à escolha como alvos de de trabalhadores humanitários é um desafio acrescido.

Timofei BYELO


Loading. Please wait...

Fotos popular