Pravda.ru

Mundo

Cresce para 34 número de mineiros sul-africanos mortos

19.08.2012
 
Cresce para 34 número de mineiros sul-africanos mortos. 17125.jpeg

A chefe de polícia sul-africana Mangwashi Victoria Phiyega disse nesta sexta-feira que 34 mineiros foram mortos e outros 78 foram feridos quando a polícia abriu fogo na quinta-feira. O ataque contra os trabalhadores em greve é um dos piores tiroteios envolvendo a polícia desde o fim do apartheid.

 

Phiyega afirmou que as forças de segurança agiram para se defender, quando manifestantes com "armas perigosas" investiram contra elas. O presidente Jacob Zuma deixou um encontro regional em Moçambique para voltar ao país e discutir a crise.

 

A polícia entrou em ação contra os trabalhadores que reuniram-se perto da mina Lonmin PLC na tarde de quinta-feira (horário local). A empresa é a terceira maior produtora de platina do mundo.

 

Os distúrbios na mina começaram em 10 de agosto, quando 3 mil mineiros pararam de trabalhar. No domingo, dois guardas foram mortos pela multidão, que colocou fogo em seu carro. Na segunda-feira, os manifestantes mataram outros dois trabalhadores e dois policiais. Os oficiais responderam mataram três grevistas. As informações são da Associated Press.

http://www.dgabc.com.br/News/5975301/cresce-para-34-numero-de-mineiros-sul-africanos-mortos.aspx


Loading. Please wait...

Fotos popular