Pravda.ru

Mundo

30 mil fuzis Kalashnicov estão a caminho à Venezuela

19.05.2006
 
30 mil fuzis Kalashnicov estão a caminho à Venezuela

A America Latina  se virou à isquerda.  O fundamento da Isquerda consiste em  “troika”  de Fidel Castro, Ugo Chávez e  Evo Morales que se juntaram num bloco antiamericano.

  Um destes tres  o Presidente da Venezuela Ugo Chávez  teve ontem um encontro em Trípoli com o lider da Líbia Muamar Kadafi., recentemente  reabilitado pela Casa Branca. 

 A reabilitação de Líbia ocorreu depois de Kadafi etregar aos EUA os agentes líbios acusados de participarem do atentado que derrubou um avião da PanAm em 1998 na Escócia e desistir do seu programa de armas proibidas.

 Chávez cada vez mais hostil aos Estados Unidos declarou em Tripoli que a Venezuela não precisa mais de armas norte-americanas . “Vamos libertando-nos não somente da política econômica dos Estados Unidos, como também da política militar deles –disse.

30 mil fuzis Kalashnicov estão a caminho à Venezuela

Ele afirmou que  a Venezuela assinou com a Rússia um contrato para fornecimento de 100 fuzis automáticos que viriam substituir as armas recebidas já há meio-século da Bélgica.  “ Um navio russo  com 30 mil fuzis Kalashnikov já está a camihno à Venezuela” disse .

 Segundo Chávez a Rússia também fornecerá à Venezuela 10 helicópteros. Alem disso há entendimentos com a China para cooperação na área militar. “Estamos enfrentando o império e devemos enfrentar e derrotar o império dos EUA para salvar o mundo”- disse Chávez. 

 O Presidente venezuelano prometeu “ abrir as portas” a Líbia para trabalharem juntos  no sector petroqímica . È a sua quarta visita  ao país africano e em cada  visita ele fala de cooperação na industrialização e comercialização do gás venezuelano e a manutenção dos preços internacionais do petróleo.


Loading. Please wait...

Fotos popular