Pravda.ru

Mundo

Kosovo: Declaração pelo Ministério das Relações Exteriores da Federação Russa

18.02.2008
 
Kosovo: Declaração pelo Ministério das Relações Exteriores da Federação Russa

Em 17 de Fevereiro, Instituições Provisórias do Kosovo de Auto-Governação declararam uma proclamação unilateral de independência da província, assim transgredindo a soberania da República de Sérvia, A Carta da Organização das Nações Unidas, UNSCR 1244, os princípios do Ato Final da Helsínquia, Estrutura Constitucional do Kosovo e os acordos do Grupo de Contato de Alto Nível.

A Rússia apoia plenamente a reação da liderança sérvia aos acontecimentos em Kosovo e suas exigências justas para restaurar a integridade territorial do país. Esperamos que a Missão da ONU em Kosovo e a força da OTAN em Kosovo tomarão acções imediatamente para cumprir seus mandatos como autorizado pelo Conselho de Segurança, incluindo a anulação das decisões de Pristina e adotando medidas administrativas severas contra eles.

A Rússia indica a convocação imediata de uma reunião de emergência do Conselho de Segurança da ONU para examinar a situação e tomar medidas resolutas e eficientes para um retorno ao processo político de acordo, sob as provisões de UNSCR 1244.

É impossível não estar ciente que as decisões pela liderança de Kosovo criam o risco de um aumento de tensão e violência étnica na província e novo conflito nos Balcãs. A comunidade internacional deve responder responsavelmente a este desafio. Os que consideram apoiar o separatismo devem entender as conseqüências perigosas que suas acções ameaçam ter para a ordem mundial, a estabilidade internacional e a autoridade da decisão do Conselho de Segurança de ONU, que levou décadas a construir.


Loading. Please wait...

Fotos popular