Pravda.ru

Mundo

Parlamento Europeu aprovou o relatório sobre voos secretos da CIA

14.02.2007
 
Parlamento Europeu aprovou o relatório sobre voos secretos da CIA

O Parlamento Europeu aprovou esta quarta-feira quase por unanimidade, com 382 votos a favor, as conclusões do relatório da Comissão de Inquérito sobre os voos da CIA, noticia Euronews. O relatório destaca a 1245 voos da Agencia norte-americana que alegadamente terão passado pelos aeroportos da União Europeia, com presos suspeitos de terrorismo.

O socialista Giovanni Fava, o relator do Parlamento Europeu sobre as atividades antiterroristas da CIA , concluiu que uma dezena de passageiros, cidadãos europeus ou residentes na União Europeia, foram ilegalmente transportados em aviões da CIA.

 Ele acusou os governos europeus de olhar "para o outro lado" diante dos abusos da agência americana dizendo que investigação parlamentar esclareceu "cinco anos de excessos e abusos na luta contra o terrorismo" e demonstrou que "os governos europeus sabiam”.

 "Não se trata de opiniões nem preconceitos, mas de fatos provados e graves", disse Fava, ressaltando que os 21 casos de transferências extraordinárias - detenção e encarceramento extrajudicial de suspeitos de terrorismo - citados no relatório "são só a ponta do iceberg".

O antigo governo alemão de Gerhard Schroeder foi um dos principais visados no relatório assim como a Roménia e Polónia, onde existe a suspeita de existência de prisões secretas. Portugal também está nesse grupo. A Eurodeputada socialista Ana Gomes foi uma das vozes mais críticas acusando o Governo luso de ter conhecimentos dos 91 voos que fizeram escala em Portugal.

As conclusões foram agora "suavizadas" em relação ao relatório inicial para que pudesse ser aprovado pelo Parlamento Europeu.


Loading. Please wait...

Fotos popular