Pravda.ru

Mundo

PRAVDA.Ru – Construir pontes

13.09.2007
 
PRAVDA.Ru – Construir pontes

PRAVDA.Ru 14 de Setembro de 2002 – 14 de Setembro de 2007. Celebramos hoje o nosso 5º aniversário, cientes de que conseguimos alcançar os primeiros objectivos do projecto, nomeadamente constituir uma ponte cultural entre a Federação Russa e os oito países de expressão portuguesa e abrir o futuro para projectos de desenvolvimento.

PRAVDA.Ru 14 de Setembro de 2002 – 14 de Setembro de 2007. Celebramos hoje o nosso 5º aniversário, cientes de que conseguimos alcançar os primeiros objectivos do projecto, nomeadamente constituir uma ponte cultural entre a Federação Russa e os oito países de expressão portuguesa e abrir o futuro para projectos de desenvolvimento.

Quando lançámos o projecto em 2002, tínhamos o objectivo de tentar estabelecer uma ponte cultural não só entre a Federação Russa e os países de expressão portuguesa (sem excluir os países onde o espanhol é falado, pois publicamos frequentemente matéria nesta língua para providenciar uma porta aberta a este grupo de leitores) mas também constituir um veiculo de comunicação entre todos os membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, resistindo a tentação de rotular os países africanos “PALOPs” e providenciando espaços exclusivos para Portugal e Brasil: assim todos os oito países têm o mesmo espaço dentro da página CPLP.

Resistimos também a convites para entrar naquele debate sobre a Lusofonia, um conceito sebastiano e cujos alicerces absurdamente residem na palavra “Luso” que tem a ver com uma pequena porção da península ibérica há alguns milhares de anos, mas que não tem nada a ver com o Brasil, motor da língua portuguesa, nem dos cinco países de expressão portuguesa em África (onde nem todos os membros das populações falam, ou até entendem, a língua portuguesa), nem do Timor Leste.

Somos apenas e muito humildemente, um órgão de comunicação onde o leitor pode encontrar notícias actualizadas sobre todos os países membros da CPLP e da Federação Russa, do mundo, sobre desporto/esporte, cultura, ciência, sociedade, turismo, showbiz, curiosidades e incidentes. Tentamos apresentar a actualidade e informar os leitores sobre os principais eventos no nosso mundo, mas também apresentar matérias alternativas que nem sempre passam as redacções da mídia “comprada”.

Não temos medo da verdade, pois PRAVDA significa “Verdade” em russo e esta postura tem-nos ganho muitos amigos entre os mais variados organismos políticos, esportivos e sociais em muitos países, principalmente na América Latina, também no continente africano e em Portugal e começamos a despertar o interesse de algumas associações em Timor Leste.

Além do nosso trabalho informativo, providenciamos um serviço de apoio e aconselhamento aos imigrantes, e desenvolvemos projectos ao nível do associativismo. A Associação Pravda.Ru também canaliza apoios para comunidades necessitadas nos países em vias de desenvolvimento.

Agora na abertura da nossa página Negócios, abrimos a secção Publicidade (em cima), providenciando uma oportunidade para as empresas se apresentarem quer na Federação Russa, quer nos oito membros da CPLP, quer nos outros países onde a PRAVDA.Ru chega, que é praticamente todo o mundo. Nossa comunidade de leitores gira em torno de cinco milhões de leitores globalmente e Pravda Group é líder absoluto no mercado de notícias de Internet na Federação Russa.

Não teríamos chegado aqui sem o constante apoio dos nossos muitos colaboradores, cerca de sessenta, espalhados pelo mundo fora, que trabalham de forma gratuita e voluntária, vestindo a camisa da Pravda.Ru e dedicando-se com amor. Estes são a vida e alma do nosso projecto e complementam o excelente trabalho feito nos escritórios de Moscovo por Lyuba e Dério sob a direcção visionária da nossa Directora Geral, Inna Novikova e o nosso Presidente, Vadim Gorshenin.

Da nossa parte, da redacção e coordenação da versão portuguesa em Lisboa, só temos uma palavra a dizer a todos os nossos colaboradores e leitores: obrigado. Que estejamos juntos por muitos mais anos, sempre a crescer, sempre juntos e sempre preocupados em melhorar o nosso mundo, que não é menos do que uma irmandade separados por mares comuns. Lágrimas têm sabor a sal em qualquer lado e zelemos para que sejam cada vez mais lágrimas de alegria do que de dor. Nossa missão é trazer-vos a verdade, doa a quem doer, para que juntos possamos fazer uma diferença.

Um sincero abraço de amizade, solidariedade e fraternidade.

Timothy BANCROFT-HINCHEY

PRAVDA.Ru

Versão portuguesa

Director e Chefe da Redacção

pravdaru@hotmail.com (Lisboa)

porpost@pravda-team.ru (Moscovo/Moscou)


Loading. Please wait...

Fotos popular