Pravda.ru

Mundo

Americanos matam o lider da Al-Qaeda e continuam bombardear Somália

10.01.2007
 
Americanos matam o lider da Al-Qaeda e continuam bombardear Somália

A Força Aérea dos EUA retomou hoje os bombardeamentos no sul da Somália após o governo do pais noticiou a morte no ataque aéreo de ontem do líder da Al-Qaeda, Fazul Abdullah Mohammed, considerado um dos organizadores dos atentados de 1998 contra as embaixadas americanas no Quênia e na Tanzânia.

"Funcionários da operação dos EUA no sul da Somália já anunciaram oficialmente a morte de Fazul Abdullah Mohammed", disse o chefe de Segurança da Presidência, Abdi Risak Hassan.

Tanto testemunhas como fontes governamentais confirmaram hoje um novo ataque aéreo americano. "Posso confirmar que neste momento está ocorrendo um novo ataque da Força Aérea dos EUA na Somália", assegurou Risak Hassan.

Um dos moradores da região de Ras Kamboni, um povoado litorâneo próximo à fronteira do Quênia onde está ocorrendo a ofensiva, Ali Omar, foi testemunha do novo ataque.

"A Força Aérea americana continua bombardeando a região e mataram mais de sete pessoas hoje", afirmou Omar. "Suplicamos ao Governo dos EUA que suspenda os ataques aéreos e deixe de matar pessoas inocentes", acrescentou.

 O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, expressou sua preocupação com os ataques dos EUA, que estão afetando a população civil da Somália, e com a nova dimensão que este tipo de ação pode introduzir no conflito.  


Loading. Please wait...

Fotos popular