Pravda.ru

Mundo

Saddam vence intercalares nos EUA

08.11.2006
 
Saddam vence intercalares nos EUA

Bush condenado ao fracasso por causa da política desastrosa em Afeganistão e no Iraque. A política “Guerra sem Sucesso” não agradece a ninguém, a não ser o clique de corporativas elitistas cripto-fascistas que gravitam a volta da Casa Branca, multi-milionários tornando-se multi-bilionários ao custo do povo norte americano e os centenas de milhares de civis massacrados pelo regime de Bush.

Depois de seis anos da manipulação do medo, nem a sentença contra Saddam Hussein (“Uma ameaça imediata aos Estados Unidos e seus aliados”) e suas Armas de Destruição Massiva (“Sabemos onde estão”) salvou o Bush – já que mais uma cassete de bin Laden (“Vamos capturá-lo”) teria sido mais que suspeita.

A verdade é que o povo norte-americano votou com grande taxa de votação a favor da lei, a favor das normas internacionais, e contra políticas de assassínio, de tortura, de guerras sem casus belli e seis anos depois, caiu a moeda – o que torna o Mundo muito menos seguro é uma política cega, arrogante, do tipo touro numa loja de cristais, que é o que se esperava de um homem com uma tão nítida limitação intelectual como George Bush.

O povo norte-americano já não confia mais em George W. Bush e seis anos depois, finalmente se aperceberam daquilo que temos estado a dizer desde antes que o Bush foi eleito – que ele não tem as capacidades necessárias para o posto.

Nancy Pelosi, a primeira Presidente feminina da Câmara dos Representantes, falou de “uma nova direcção” depois do Partido Democrata ter ganho 228 lugares contra os 195 dos Republicanos, num total de 435. Doravante, os democratas têm a maioria o que lhes dá a possibilidade de temperar os últimos dois anos do regime de Bush e dificultar a implementação das suas políticas. A corrida para os 33 lugares abertos no Senado pode ainda entregar esta Casa também aos Democratas.

Enquanto a política externa não foi a única razão pelo fracasso de Bush (paliativos dos democratas para um aumento no salário mínimo e questões como corrupção, escândalos e o estado da economia, o desperdício de centenas de biliões de dólares em actos de chacina) pesou muito na decisão do povo norte-americano.

Finalmente os cidadãos dos Estados Unidos da América se juntam à comunidade internacional, concordando de forma bem clara que o Mundo seria um sítio muito melhor sem George Bush e seu regime odioso, criminoso e assassino.

São horas para uma mudança de regime. (Nos bastidores, o riso de Saddam Hussein, que mesmo moribundo, preso e sem qualquer poder, depois de assinar 148 mandatos de execução contra os 152 de Bush, ainda assim consegue derrotar o seu adversário).

Timothy BANCROFT-HINCHEY

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular