Pravda.ru

Mundo

Aumentam agudamente as tensões no leste da Ucrânia

08.04.2014
 
Aumentam agudamente as tensões no leste da Ucrânia. 20132.jpeg

Aumentam agudamente as tensões no leste da Ucrânia


É difícil ter um quadro claro do que se passa no leste da Ucrânia, mas, vendo várias fontes, parece-me que houve grandes protestos nas cidades de Lugansk, Carcóvia e Donetsk. Há vídeos de grandes multidões, também com muitas mulheres, reunidas no centro das cidades. Em Donetsk e Lugansk, os manifestantes tomaram prédios do governo, inclusive o quartel local das forças de segurança da Ucrânia (SBU).

Em Donetsk, os manifestantes reuniram-se no que parece ser uma assembleia popular e declararam criada uma "República Popular de Donetsk",[1] e anunciaram que planejam realizar um referendo sobre o futuro da região no próximo dia 11 de abril. 

Mas o mais claro sinal de que as coisas estão ficando muito sérias é que toda a elite governante do governo de Kiev - inclusive Yulia Timoshenko - transferiram-se para o leste da Ucrânia, numa tentativa de controlar a situação
.

Minha sensação é que as multidões no leste parecem furiosas e muito decididas, e pode ser muito difícil tirá-las das ruas, pelo menos sem um banho de sangue (o que levaria a imediato ressurgimento dos "Homens polidos vestidos de verde e armados"). A grande fraqueza dos falantes de russo no leste da Ucrânia é que seus líderes ou já estão presos nos calabouços da SBU ou são mornos e fracos. Ninguém parece estar realmente controlando coisa alguma.

Russia Today está noticiando[2] que nacionalistas ucranianos em Kiev invadiram a Suprema Corte. Antes, haviam tentado invadir o Parlamento Ucraniano (mas a imprensa-empresa ocidental "não percebeu-noticiou").

É muito mais provável que se gerem guerras civis, quando há vácuo de poder, que contra regime forte; é exatamente o que se vê hoje na Ucrânia

Apesar de todas as desesperadas tentativas pelas elites ocidentais e pela imprensa-empresa, para 'noticiar' que há governo em Kiev, a realidade é, claramente, que não há nenhuma autoridade no poder em lugar algum na Ucrânia. Nem no oeste, nem no centro nem no leste do país. O que há é só completo caos e muitos diferentes grupos e facções tentando assumir o controle.

Mais uma vez, está claro para mim que, a menos que EUA e Rússia firmem alguma espécie de acordo, a desgraçada Ucrânia está andando diretamente para uma guerra civil. 

Não estou dizendo que goste da ideia de EUA e Rússia, não o povo ucraniano, decidirem o futuro da Ucrânia. O que estou dizendo é que simplesmente não há condições para que o povo ucraniano manifeste seu desejo. Além do mais, sendo a Ucrânia estado completamente artificial, não há meio pelo qual as esperanças e desejos do oeste e do leste da Ucrânia possam ser reconciliadas.

Daí decorre um fato simples: quanto mais descentralizada for uma Ucrânia unitária, mais chances terá de sobreviver. Em outras palavras, quando os Banderistas e o ocidente insistem em uma única Ucrânia unitária centralizada, ELES estão, de fato, contribuindo para esfacelar o país.

Nessas condições, por que a Rússia interviria? O que tem de fazer é esperar pelo colapso final e, então, recolher os pedaços que considere dignos de interesse.

Permaneçam sintonizados. As próximas poucas semanas serão cruciais.

[assina] The Saker 


7/4/2014, The Saker, The Vineyard of the Saker
http://vineyardsaker.blogspot.com.br/2014/04/sharp-rise-in-tensions-in-eastern.html


[1] http://rt.com/news/donetsk-republic-protestukraine-841/

[2] http://rt.com/news/right-sector-supreme-court-825/

 


Loading. Please wait...

Fotos popular