Pravda.ru

Mundo

Chupeta, mais procurado como traficante de drogas preso no Brasil

07.08.2007
 
Chupeta, mais procurado como traficante de drogas preso no Brasil

O traficante de drogas um dos mais procurados pelos EUA, o colombiano Juan Carlos Ramirez Abadia, conhecido como Chupeta, foi preso no começo da manhã desta terça-feira, em Aldeia da Serra (Grande São Paulo).

A agência norte-americana de combate ao tráfico, DEA (U.S. Drug Enforcement Administration), oferecia US$ 5 milhões (quase R$ 10 milhões) para quem fornecesse informações sobre o paradeiro de Abadia - com a ressalva de que o dinheiro era garantido pelo governo norte-americano. A PF não soube informar se esse tipo de recompensa é paga para órgãos policiais, de acordo com G-1. 

Considerado herdeiro do cartel de Cáli, Abadia permanecerá preso, à disposição da Justiça, na sede da Superintendência Regional da PF, na Lapa (zona oeste de São Paulo). Esta não é a primeira vez que Abadia é preso.

 Em março de 1996, ele se entregou à polícia colombiana e confessou ter enviado 30 toneladas de cocaína aos Estados Unidos e atuado no cartel de Tijuana (México). Com a confissão, o colombiano acabou beneficiado e, embora tenha sido condenado a 23 anos de prisão, foi solto em 2002.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos chegou a pedir a prisão dele para fins de extradição em 1996 pelo "presumível envolvimento" com o cartel do Vale do Norte da Colômbia, mas não foi atendido.

Segundo a PF, a prisão de Abadia integra a operação Farrapos, que acontece a partir desta terça-feira em São Paulo, Rio, Minas, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. No total, serão cumpridos 17 mandados de prisão de 28 de busca e apreensão.


Loading. Please wait...

Fotos popular