Pravda.ru

Mundo

Pescadores finlandeses libertados pelo Irã

07.06.2007
 
Pescadores finlandeses libertados pelo Irã

Três finlandeses  detidos  e acusados pelo Irã de entrar ilegalmente em suas águas territoriais, foram libertados nesta quarta-feira, confirmou o ministério das Relações Exteriores da Finlândia.

Os três homens, que trabalham para a emprensa em Dubai, foram detidos durante uma viagem de pesca perto de Abu Moussa. A jurisdição sobre a ilha é disputada por Irã e Emirados Árabes Unidos.
Segundo o porta-voz da empresa, Barry French, "os detidos entraram em contato e disseram quem retornarão para Dubai em pouco tempo".


O embaixador finlandês em Teerã, Heikki Puurunen, disse que oficiais iranianos asseguraram que os três homens eram mantidos em boas condições e haviam sido bem tratados desde que foram detidos.

Anteriormente, representantes do governo finlandês afirmaram que as negociações com o governo iraniano pareciam bem sucedidas e a expectativa era de que os homens seriam liberados em até 48 horas.

Os três homens, funcionários da empresa Nokia Siemens Networks em Dubai, foram detidos sábado passado nas costas da ilha de Abu Musa e levados para um local secreto, informou o conselheiro do ministério Pasi Tuominen.

"Recebemos a informação de suas famílias, com as quais entraram em contacto e disseram que já estavam livres", informou à AFP Pasi Tuominen, assessor do ministério das Relações Exteriores.


Loading. Please wait...

Fotos popular