Pravda.ru

Mundo

Associação Latino-Americana de Integração

06.06.2007
 
Pages: 12
Associação Latino-Americana de Integração

O café da manhã sem vocês já não tem mais sabooor…Montevidéu frio na ruas, aconchegante na ALADI. Embaixadora colombiana Claudia Uribe é candidata para próximo período.

O Secretário Geral da Associação Latino-Americana de Integração, Dr.. Didier Opertti Badán convidou a imprensa cedinho de manhã informando os fatos que marcaram a agenda da Associação nos últimos meses e as atividades que vão acontecer no decorrer dos próximos.

O último convite feito pelo Dr. Didier Opertti B. para os meios tinha sido alguns dias antes de Natal de 2006 compartilhando dessa vez o balanço do ano retrassado com coquetel de confraternização mais logo.

Os primeiros comentários do Secretário Geral neste primeiro encontro 2007 com a imprensa remarcaram que mesmo que gostaria manter um contato bem mais fluente as vezes a agenda está com enchente e se faz impossícvel mas assim que aparece um espaço, veicula-se um novo convite.

Várias mesinhas “grudadas” e perfeitamente enfeitadas foram os lados dum retângulo que olhava-se num vôo raso pela Sala da Pinacoteca da ALADI.

Os jornalistas todos começaram rodopiá-lo tendo com alvo, o Dr. Opertti Badán e seus assessores que ficaram num dos lados mais estreitos nesse ida e volta descontraido que sempre acaba acontecendo se o destaque é o Dr. Opertti.

Fora a imprensa uruguaia, os únicos meios internacionais marcando a cobertura nessa reunião foram Rádio Nederland e a Agência de Notícias EFE que junto com o Pravda também foram lados deste triângulo que fica do lado sempre desta Associação percebendo quanto é importante na América e fora da divisa do continente.

Os comentários do Dr. Didier Opertti B. surgiram oferecendo uma abertura elegante e ficando ao dispor dos jornalistas e suas perguntas que mais logo iam ocorrer assim que desse para valorizar as palavras do Secretário Geral.

O Dr. Opertti remarcou que a ALADI é um mecanismo de integração da região e os membros refletem essa condição, envolvendo América do Sul, México e Cuba, sendo a Ilha o único país sem integrar um mecanismo deste estilo fora ALADI, como é o caso dos outros países sendo parte do Mercosul ou da Comunidade Andina.

Mais logo continuou seu discurso salientando com grande énfase que integraão é um processo e que como fala aquela música brasileira adorável que hoje conhece o mundo todo, “não tem fim” pois é apenas um processo.

Raciocinando alguns segundos depois o Dr. Didier Opertti disse que a situação dos sócios mais novos sem dúvida não é a mesma que dos mais velhos pois é um processo e ALADI é um jogador desse tal processo.

Porém o papel da Associação segundo o Dr. Opertti é continuar, não parar nunca. Esse compromisso de continuar não tem data de validade pois trata-se dum compromisso político e institucional além de pluralidade para os participantes.

O Dr. Opertti remarcou logo que atender os assuntos do comércio da região é porção importante para ALADI.

Neste mundo temos presencias e ausencias, colocando acima da mesa o caso desse suco de laranja que todos nós começamos beber no decorrer do discurso.

O suco é uruguaio, tem certificado de origen e está entre nós hoje, ele ( o produto ) está presente!

Cuida-se dum jeito extremamente consciente a salvaguarda dos produtos e sua vida nesse ambiente, no qual já tem ganho seu espaço tentando que esses mercados não acabem ficando absolutamente alagados de concorrentes.

Fica claro para o Dr. Didier Opertti Badán que ALADI não tem um júri para os casos de controvérsias do jeito que tem a Comunidade Andina com sua Corte ou o Mercosul com o Tribunal. Então precisa-se dum mecanismo de Arbitragem como modelo de solução das controvérsias.

Alguns minutos depois o Dr. Opertti disse que as associações empresariais estão de alguna forma inseridas na ALADI, tendo concretizado acordos ou convênios com Universidades pois não estamos divorciados do mundo.

No calendário de atividades, resaltou que os dias 5 e 6 deste mês ( hoje ) ia acontecer um importante encontro de altos funcionários da ALADI dos doze países, com agenda que ia marcar estes assuntos da controversia e salvaguarda, como etapa prévia do Conselho de Ministros com órgão superior para Dezembro próximo.

O Dr. Opertti acabou remarcando que integração é processo sem virar a cabeça. Também vai se tratar aquele grande objetivo de “montar” uma Corte Internacional para uma Arbitragem melhor, custos que envolve a reunião, colocado sempre no ambiente da ALADI que é diferente daquele do Mercosul ou da Comunidade Andina.

O Dr. Opertti, acabou dizendo que vão tentar resolver assuntos ALADIANOS! (palavra que no mínimo na 2ª. Edição do Grande Aurélio Buarque de Holanda, bem mais famoso como o Aurelião não existe, mas que poderia empurrar duas palavrinhas “vizinhas” mesmo ficando mais jeque).

Será que estamos botando num jeque o Comité Organizador do Gordão mais reconhecido do Brasil (o maravilhoso Jô emagreceu muito mas continua cativando nas madrugadas da tevê).

Nesse carrossel de perguntas dos jornalistas, algumas muito interesantes tiveram despostas enxutas do Dr. Didier Opertti Badán.

Confirmou que até hoje existe uma única candidata oficial para Secretária Geral da ALADI de olho no próximo período e trata-se da Embaixadora Colombiana perante OMC ( Organização Mundial de Comércio ), Sra. Claudia Uribe.

Pages: 12

Loading. Please wait...

Fotos popular