Pravda.ru

Mundo

Como evitar os incidentes de avioes. Novos sistemas de vigilância dos aeroportos

05.05.2006
 
Como evitar os incidentes de avioes. Novos sistemas de vigilância dos aeroportos

O último acidente do Airbus A 320 de Armavia prova mais uma vez que muitos dos incidentes ocorridos nas áreas de manobra (pistas e taxiways) poderiam ser evitados, se existisse uma monitorização e controlo efectivos dos movimentos de todos os veículos, incluindo os aviões, em toda a área de movimento.O AIRNET- uma  iniciativa europeia , inserida no 6º Programa Quadro da Comissão Europeia  «visa desenvolver uma solução de baixo custo para aeroportos de pequena e média dimensão, que possibilite melhorar os níveis de segurança no solo, mesmo em condições de baixa visibilidade», refere a Siemens em comunicado.

O AIRNET obedece às recomendações da ICAO e do EUROCONTROL para os novos sistemas de vigilância e guiamento no solo, dos aeroportos (A-SMGCS: Advanced-Surfaced Movement Guidence and Control System) e utiliza um conjunto de redes inovadoras de comunicação sem fios (Wi-Fi, VDL4, CDMA e TETRA).

Ao contrário de outras soluções semelhantes já implementadas, o AIRNET usa tecnologias de baixo custo que garantem a modularidade e a adaptação a diferentes classes de aeroportos. Trata-se também de uma plataforma aberta a futuros desenvolvimentos na área da navegação (serviços GALILEO) e na área das comunicações. Em Portugal no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto. foi implementada uma solução Wi-Fi 802.11a da Siemens, disponibilizada especificamente para este projecto, tendo em conta os requisitos e as limitações operacionais de implementação. Esta rede de segunda geração inclui um inovador e sofisticado controlador central que faz a gestão de todos os pontos de acesso distribuídos pelo aeroporto. Para além de controlar a potência das unidades de rádio, controla os tempos de comutação entre os pontos de acesso.

Adicionalmente, a solução AIRNET será interligada com o Sistema de Gestão Operacional do Aeroporto do Porto, sendo que os dados fornecidos por este sistema em tempo real, sobre as chegadas e partidas das aeronaves, serão usados pelo AIRNET para o processo de decisão e sustentação.

Ao assegurar a cobertura do Aeroporto Francisco Sá Carneiro com a tecnologia Wi-Fi da Siemens, a ANA-Aeroportos de Portugal tem a oportunidade de integrar uma extensão do projecto da Agência Espacial Europeia – Projecto Gamma. Esta extensão visa demonstrar que, através desta infra-estrutura Wi-Fi, é possível dispor de informação EGNOS/GALILEO nas áreas sem cobertura dos satélites deste sistema europeu.

.


Loading. Please wait...

Fotos popular