Pravda.ru

Mundo

Iniciativa inovadora: a Rede Mundial de Comunicação Alternativa

04.04.2008
 
Iniciativa inovadora: a Rede Mundial de Comunicação Alternativa

Nasce uma iniciativa inovadora: a Rede Mundial de Comunicação Alternativa

Na Rede Mundial de Comunicação Alternativa, vamos deixar aflorar, por sinal de satélite e pela internet, conteúdos do mundo livre, integrando TV digital de média e baixa resolução, rádios comunitárias e IPTV (internet program of television), que possibilitará a interatividade em tempo real, com tecnologia de envio e recepção de áudio e vídeo.

Utilizaremos as mesmas armas da mídia tendenciosa, ou seja, a tecnologia de comunicação de massa, para promover valores e conceitos habitualmente rebaixados para o mais profundo abismo, segundo a agenda oculta do neoliberalismo. A Rede será o ponto alto da interatividade entre as lutas sociais do mundo.

Cada cidadão e cidadã, a partir de sua via crucis diária, saberá o que dizer para outros/as cidadãos e cidadãs que, não por acaso, sofrem as mesmas dificuldades em outras partes do mundo. E eles/elas sentirão vontade de fazê-lo através de ferramentas de mensagens via internet que estarão interligadas no processo. Num teste-piloto, a Rede será montada ligando, por sinal de satélite, sete cidades participantes e incluindo matérias pré-editadas com o conteúdo voltado para o mundo livre.

A Rede será ancorada a partir de uma estação de tv móvel, localizada nas cidades-âncoras. Estas estações ficarão dentro de um ônibus, com todo o equipamento necessário para trabalhar as imagens que serão transmitidas através da Rede para as cidades periféricas.

Será o Marco Zero de uma nova estratégia de comunicação entre os movimentos sociais do mundo inteiro, que supere o “filtro” da mídia de mercado e implante no mundo uma nova filosofia e um novo modelo de comunicação entre os povos, unindo não só os participantes das mobilizações do Fórum Social Mundial, mas milhões, e até bilhões de pessoas, no futuro, que terão acesso às ferramentas interativas de mensagens, nos espaços privados e públicos.

Por Bruno Cattoni // Visite www.brunocattoni.com


Loading. Please wait...

Fotos popular