Pravda.ru

Mundo

Milicias anti-fascistas na Ucrânia

04.03.2014
 
Milicias anti-fascistas na Ucrânia. 19909.jpeg

Os comitês locais do Partido Comunista da Ucrânia (PCU) criaram, nas regiões do este do país, milícias populares para lutar contra os neonazis apoiados pela Union Europeia, o conhecido como Euromaidan.

Depois de em Odessa, Stakhanov, Simferopol e Dnipropetrovsk, o PCU já criou organizou milícias em Louhansk e Zaporizhia.

A criação da milícia comunista de Zaporizhia foi anunciada pelo Secretário Geral do PCU da região, Vitaly Misha. A iniciativa partiu dos próprios cidadãos e das organizações públicas, alarmados pela ameaça fascista. O objetivo destas milícias é a manutenção da ordem pública, para impedir a desestabilização do oblast de Zaporizhia e bloquear todos os ataques do "banderismo" e resto de grupos de ultradireita.

A deputada comunista do Conselho Regional, Elena Semenenko, pediu a proibição do partido "Svoboda" no território de Zaporizhia.

Também em Louhansk os comunistas criaram milícias para responder aos fascistas. Os comunistas formaram uma milícia com umas 200 pessoas, que se preparam para responder, visto o abandono e a permissividade da policia, aos terroristas do euromaidan.

"A função destas milícias é a de proteger os cidadãos e os edifícios públicos. O objetivo é prevenir os conflitos e as provocações", segundo o Secretário Geral do PCU de Louhansk.

No próximo dia 8 de fevereiro está convocada uma grande marcha antifascista em Kiev e as milícias aceitam pessoas voluntárias para participar nela.

Estas milícias são compostas por membros de:

- Os komsomols de Zaporizhia.

- Os VSZHT "A juventude do futuro da Ucrânia".

- A Guarda Eslava.

- A União de Cidadãos da Ucrânia.

- O sindicato de servidores públicos soviéticos.

- A Organização de Veteranos Combatentes da Ucrânia.

- Os servidores públicos.

- Associação de veteranos de Chernobyl.

Os principais objetivos da milícia são controlar a ordem pública nas cidades, criar equipes de intervenção antifascista, impedir a ocupação de edifícios administrativos, lutar contra o vandalismo, proteger os monumentos em honra do glorioso passado soviético da Ucrânia e opor-se com todas suas forças ao fascismo e à pretensa reabilitação dos criminosos da UPA (o fascista Exército Insurreto Ucraniano).

Foto: Fascistas na Ucrânia


Loading. Please wait...

Fotos popular