Pravda.ru

Mundo

Há sobreviventes no acidente com Boeing indonésio

02.01.2007
 
Há sobreviventes no acidente com Boeing indonésio

Doze pessoas foram encontradas vivas num local do acidente com o Boeing 737-400 da companhia indonésia Adam Air. Boeing desaparecido dos radares na segunda-feira (1) desempenhou-se numa área montanhosa da ilha indonésia de Sulawesi. Já foram também encontrados 90 cadáveres, segundo informou a agência estatal Antara.

Fontes da Adam Air, a companhia à qual pertencia o avião sinistrado, confirmaram a existência de sobreviventes, apesar de não terem detalhado o seu estado.

"O avião despenhou-se a cerca de 40 quilómetros de Polewali", indicou um policial local. "As equipas de socorro já estão a caminho para assistir as vítimas. De mom ento as informações que temos dão conta de 90 mortos", afirmou a mesma fonte.Segundo a mesma fonte, as condições de acesso ao local são muito difíceis, repetindo-se os problemas com as comunicações.

"Apenas podemos utilizar motos, é impossível utilizar viaturas normais ou todo-o-terreno devido à perigosidade do terreno", assegurou o polícia.

O avião comercial partiu ontem às 12h59 (5h59 em Lisboa) de Surabaya, na ilha de Java, com destino a Manado, Sulawesi.No total, 96 passageiros, 85 adultos e 11 crianças, e seis membros da tripulação encontravam-se a bordo do Boeing 737-400.

O centro do arquipélago indonésio tem sido abalado por uma tempestade com ventos violentos, desde o fim da semana passada. As más condições meteorológicas causaram o naufrágio de vários "ferrys", nomeadamente ao largo de Java e Bali, e centenas de passageiros continuam a ser procurados.

Os acidentes de avião não são raros na Indonésia, um imenso arquipélago com mais de 5000 quilómetros de comprimento.
As companhias aéreas públicas ou privadas são alvo de criticas recorrentes pela sua segurança deficiente, os seus atrasos repetidos ou a sua má gestão.

 
Adam Air é uma sociedade líder entre as companhias de baixo custo que operam na Indonésia.


Loading. Please wait...

Fotos popular