Pravda.ru

Desporto

“Navio Escola Capitán Miranda” chegou em Montevidéu

29.10.2007
 
“Navio Escola Capitán Miranda” chegou em Montevidéu

Pinga-Pinga Escola Uruguaio fundeou em Horta (Portugal) e Fortaleza (Brasil). No decorrer da manhã de hoje, voltou a lançar sua âncora no Porto de Montevidéu o Navio Escola Uruguaio ROU 20 – “Capitán Miranda” encerrando a vigésimo sexta viagem de aprendizado após 198 dias fora Uruguai, sendo que 126 foram “acima” da água.

Nesta oportunidade, a delegação teve como membros 93 tripulantes, sob chefia do Capitão de corveta (CG) Julio Ambrosoni, alguns convidados, salientando-se um aluno da Faculdade de Ciências, mais um tirando benefício de uma bolsa de estudos do Ministério de Turismo e Oficiais do Exército Nacional e a Força Aérea Uruguaia.

Desta vez o Pinga-Pinga uruguaio dos ocêanos alcançou alguns portos desses que são referência em qualquer roteiro que os amadores da vida acima das ondas poderiam desejar.

Ei-los:

Havana (Cuba), Nassau (Bahamas), Norfolk (EUA), Alicante, Barcelona, Arquipélago das Canárias, Cádis, Lanzarote (Espanha), Toulon (França), Gênova, Livorno, Cagliari, Siracusa (Itália), Pireo, Khios e Rodas (Greça), Guaira – Maracaibo (Venezuela), Horta (Portugal) e Fortaleza – Bahia (Brasil).

A cada ano, o conhecido “Miranda” é convidado a participar de eventos internacionais, sendo destaque na maioria dos casos e no decorrer deste 2007 continou acima dos trilhos.

No início de Maio, o Navio chegou na República Boliviariana de Venezuela, recebendo a visita do Presidente da República, Hugo Cháves Frías, quem remarcou o relacionamento ótimo que mantêm os dois países, acontecendo o intercâmbio de presentes que ocorre nestas situações.

No fim desse mês de Maio, o Capitán Miranda tomou parte da Regata Sail Virginia 2007, continuando logo desde o 24 de Junho até 28 de Julho, na Tall Ships Mediterrâneo com abrangência nos países mais reconhecidos desse Mar como é o caso da Espanha, França e Itália, sendo que a primeira rodada aconteceu á partir de Alicante com destino Barcelona, participando acima de 40 navios do mundo inteiro.

Tendo ficado em Barcelona no aguardo dos resultados oficiais da Sail Training International (STI), Capitán Miranda obteve a quarta vaga na Classe A, e a décima na tabela geral com vinte e cinco navios, sendo os maiores destaques os navios: “Juan Sebastião Elcano” da Espanha, o equatoriano “Guaias”, o russo “Mir” e “Mircea” vindo da Romênia, todos eles de maior tamanho e capacidade de manobra que o uruguaio.

Aliás o “Capitán Miranda” recebeu “anel de grau” por ter participado nesta Regata tendo percorrido umas 11 mil milhas náuticas, a maior distância até a sede da Regata se levamos em consideração o país de origem.

No começo de Agosto, o Carro Chefe dos navios uruguaios alcançou Itália, participando de mais um evento da categoria na cidade de Cagliari na Ilha da Cerdenha.

O 25 de Setembro, já “descendo”rumo a Uruguai, o” Capitán Miranda” foi a grande surpresa no Porto de Lanzarote (Arquipélago das Canárias) pois esperava-se alguns dias depois. Mais logo foi o “Miranda” o “surpreso” pois os emigrantes uruguaios que nos últimos anos tem escolhido essa Ilha como destino tentando burilar o futuro financeiro, “alagaram” o navio de saudades, compartilhando uma janta descontraída a bordo do “embaixador” uruguaio, procurando o resgate da cultura e dessas coisas que a distância não faz esquecer.

O Embaixador está ficando poliglota dos melhores, aprimorando seu português seja clássico como no Porto de Horta com um dos melhores esportivos do mundo (Faial – Açores - Portugal), ou no continente sul-americano, na cidade de Fortaleza – Bahia no Brasil, com sotaque e suíngue gerado pelas ondas baianas extremamente alegre.

Insuflando as velas com o sopro amigo do “Eolo” o “Capitán Miranda” foi impulsionado pela vontade dos tripulantes que logo das 20.308 milhas náuticas “andadas” deu uma de F1 querendo atingir o Porto montevideano “anteontem”.

Só hoje conseguiu mas como fala a música da Xuxa...tudo mundo está feliz!

O Jornal Pravda lusófono agradece as informações fornecidas pelo Depto. Imprensa, RR.PP. e Comunicações da Marinha Uruguaia, sob chefia do Capitão de corveta (CG) Alejandro Añón e o 2do. Chefe Capitão de Fragata (CG) Marcelo Larrobla Salvo que continuam mantendo nossos leitores á par de tudo quanto é importante e acontece no Uruguai neste segmento.

Correspondente PRAVDA.ru

Gustavo Espiñeira

Montevidéu – Uruguai


Loading. Please wait...

Fotos popular