Pravda.ru

Desporto

Atlético Paranaense ataca CBF por indicação de árbitro

29.06.2007
 
Atlético Paranaense ataca CBF por indicação de árbitro

A indicação de Heber Roberto Lopes para apitar o clássico de amanhã, contra o Paraná Clube, despertou a ira do Atlético. O clube publicou ontem, no site oficial, uma nota criticando a escolha. “O Clube Atlético Paranaense não pode entender e concordar com a insensibilidade da CBF em escalar o árbitro paranaense Heber Roberto Lopes”, afirma o texto.

O sorteio realizado pela CBF, na última quarta-feira, tinha dois nomes: Heber e Evandro Rogério Roman, ambos paranaenses. “Um árbitro da Federação Paranaense de Futebol e que tem um histórico de prejuízos ao Atlético Paranaense.

Quem não lembra dos jogos da semifinal do Campeonato Paranaense deste ano, em que Heber minou o time atleticano durante os 90 minutos com faltas invertidas, pênaltis não marcados e a expulsão de um atleta rubro-negro ainda no primeiro tempo?”, questiona a nota.

“É explícita a guerra declarada por Onaireves Moura ao Clube Atlético Paranaense com acusações infundadas e sem sentido. Por tudo isso, o clube não pode aceitar a arbitragem desse juiz, uma vez que todos sabem dos prejuízos que a Federação quer causar ao Furacão”, ataca o texto. “Além disso, nos clássicos regionais realizados na última rodada do Brasileiro foram usados árbitros de fora do Estado, com exceção de São Paulo e Santos, porém nenhum dos dois clubes sofre com represálias de sua Federação”, argumenta.

“Todos sabem que o Atlético Paranaense foi vítima de uma orquestrada manobra política para que a Kyocera Arena, estádio mais moderno da América Latina, não fosse indicada como palco curitibano para a Copa do Mundo 2014”, comenta a nota. O técnico Antonio Lopes igualará amanhã um recorde de Telê Santana: o de treinador com mais jogos no Campeonato Brasileiro. Lopes chegará à marca de 394 partidas. Ele já matinha um outro recorde: o de ter participado de mais edições. Com o Atlético, em 2007, disputa seu 20º Brasileirão, número também alcançado por Evaristo de Macedo. No ranking de maior número de vitórias, Lopes é o quarto colocado, com 160.

No entanto, o técnico não acredita que isso garanta alguma vantagem em relação ao adversário de amanhã, comandado por Pintado, que iniciou a carreira de treinador há três anos. “Essa questão da experiência, do treinador ser mais novo... O futebol não tem nada disso”, disse.

 Fonte Bem Paraná 


Loading. Please wait...

Fotos popular