Pravda.ru

Desporto

Histórico: Pai e filho Morales no gramado juntos pelo Wanderers uruguaio

26.08.2008
 
Histórico: Pai e filho Morales no gramado juntos pelo Wanderers uruguaio

Juan Manuel Morales (o filho - 19 anos) e Carlos María “Chamaco” Morales (o pai – 38 anos) por apenas 32 minutos no segundo tempo da partida perante o Peñarol fizeram a estréia JUNTOS no gramado do Parque Alfredo Víctor Viera – Estádio do Montevideo Wanderers (www.mwfc.com.uy) no Prado da capital uruguaia.

Não são muitos os privilégios que temos na vida mas o Carlos María Morales, jogador uruguaio com muitos anos de sucesso no futebol mexicano tinha planejado jogar no mesmo time do que seu filho mais velho, Juan Manuel e o domingo 24 de Agosto de 2008 concretizou esse sonho vestindo a camisa alvi-preta do Wanderers á partir das 16:45 h.

Após ter nascido como futebolista no vizinho do Wanderers (River Plate de Montevidéu) e logo ter jogado no México no decorrer da grande maioria dos anos da sua carreira, o mais “idoso” da família Morales acabou voltando para o Uruguai faz dois anos jogando para o Defensor Sporting e mostrando sua cara nas Taças Nissan Sul-Americana e Toyota Libertadores (na hora que ainda era Toyota e não Santander) e logo após no Danubio de Montevidéu.

“A noite das Saudades” faz alguns anos acontece a cada 24 de Agosto em Montevidéu e o Uruguai todo (25 de Agosto é o “Dia da Independência uruguaia porém feriado) sendo a noite com maior movimentação do país inclusive bem mais do que na prévia de Natal ou Ano Novo.

Por causa de um decreto do governo uruguaio a “Lei Seca” está chegando no Uruguai. Além disso, a derrota do Wanderers 1 x 2 perante o Peñarol vão impedir que essa “noitada uruguaia” seja noitada para os Morales. Mesmo assim com água com gás o Carlos María e Juan Manuel vão arvorar seus canecos de vidro hoje á noite na residência do pai comemorando seu primeiro jogo juntos vestindo a camisa do mesmo clube numa partida oficial.

O dia 15 de Agosto de 1902 nasceu o Montevideo Wanderers Football Club, porém acaba de comemorar seu aniversário número 106. Aliás tendo assinado contrato com os Morales para o resto de 2008, acabou de escrever mais uma página histórica dessas que com certeza vai refletir o Livro dos 150 anos do clube como um destaque desses que não todos os clubes do mundo conseguiram...jogar no gramado pai e filho juntos vestindo duas camisas do mesmo time.

São muitos os casos que você conhece?

Lembranças da música do passado fazem possível a “montagem” desta grande “noitada” uruguaia á partir de uma idéia de um dos senhores Lecueder, nome reconhecido no ambiente empresarial uruguaio que entre muitos projetos, foi o pioneiro em construir um “Shopping Center”, o Montevideo Shopping Center.

Montevidéu é pequenininha e ainda tem um jeito de bairro que faz possível encontrar o Carlos María Morales indo na procura de uma filhinha no eixo do meio-dia na Escola N° 14 – Gl. San Martín, bem mais conhecida como Escola Berro e tendo com Diretora agora a senhora Ofelia. Esta matéria vai ser inserida nas próximas horas no Pravda e este correspondente indo também na procura das suas filhinhas María Belén e Candelaria Luz nessa mesma escolinha vai avisar para o Carlos María Morales ao vivo e as cores que o Jornal Pravda lembrou-se dele e o “filhote” mais velho pois são parte de uma página histórica no futebol do mundo todo.

Nessa hora “H” para os Morales, Carlos María foi o camisa 15 no decorrer da partida toda e o seu filho Juan Manuel acabou pegando e usando a camisa 14 na última meia hora do jogo.

Antes do treino desta terça 26 de Agosto ás 8:45 da manhã encontramos os destaques desta matéria juntos no Parque Viera e no aguardo deles abraçando um cimarrão o treinador do Montevideo Wanderers, o Luis Alberto “maluco” Acosta, Campeão Sul-Americano 1983 com a camisa celeste perante o Brasil no Estádio da Fonte Nova da Bahia vestindo a camisa sete mesmo sendo canhoto.

Passaram 25 anos daquela vitória e mesmo que não deu para reconhecê-lo direto!! Sempre tendo a ver com os “boêmios” uruguaios na fase de jogador e agora fora do gramado, assim que este correspondente reconheceu o “Maluco” Acosta acabou surgindo um bate-papo descontraído:

PRAVDA: Luis Alberto, gostavai mesmo desse jogo rápido que você tinha pela faixa esquerda!! Você foi um grande jogador!!

ACOSTA: Sorridente respondeu....eu não fui um grande jogador de futebol, apenas andava muito rápido pelo relvado.

Mesmo que parece um cara-fechada é brincalhão!!...mas também é Campeão, desses que agora Uruguai não produz a cada dia.

O Luis Alberto “maluco” Acosta agora faz suas maluquices desde o plantão como treinador e da mais um mergulho na história do clube pois foi o responsável deste evento quase único no futebol mundial...jogar no gramado em uma partida oficial o Carlos María Morales (pai) e Juan Manuel Morales (filho) vestindo a camisa do Wanderers, clube que foi berço do “Príncipe” Enzo Francescoli, hoje um empresário reconhecido da Tenfield S.A. com os direitos reservados do futebol uruguaio e fora isso, colega do Luis Alberto no Wanderers e naquela seleção uruguaia 1983.

O mundo inteiro vai ficar de olho neste fato histórico pois o PRAVDA está refletindo-o no site agora!!!

Nas fotos:

Juan Manuel Morales (esq.), Luis Alberto Acosta (centro) e Carlos María Morales (dir).

Juan Manuel Morales (esq. e N° 14) – Carlos María Morales (dir. e N° 15).

Correspondente PRAVDA.ru

Gustavo Espiñeira

Montevidéu – Uruguai


Loading. Please wait...

Fotos popular