Pravda.ru

Desporto

Inter de Milano tacticamente superior: Visível o Cunho de Mourinho

22.05.2010
 
Inter de Milano tacticamente superior: Visível o Cunho de Mourinho

Inter Milan 2 Bayern Munich 0. Inter Milan mostrou o cunho do treinador português José Mourinho esta noite no Estádio Santiago Bernabeu de Real Madrid. Tacticamente superior, Inter soube aproveitar as oportunidades (Diego Milito teve dois remates, no alvo, e marcou dois golos) enquanto a equipa defendia em bloco, fechando os espaços à volta da baliza de Júlio César.

Bayern teve uma percentagem maior do ataque na primeira parte, dez ataques contra os sete do Inter mas a diferença foi dos treinadores. Inter soube quando marcar, quando fechar e como gerir o jogo. Bayern lutou bem mas cada vez que foram subir, encontraram uma muralha de tijolo.

Os primeiros 45 minutos foram um vai-vem entre as duas equipas. Apareceu o Bayern aos 10’, quando Olic rematou ao lado. Maicon replicou para Inter um minuto depois. Bayern voltou, por Altintop (remate bloqueado aos 13’) e Van Buyten, idem (16’). Inter respondeu com Sneijder, remate defendido aos 18’ e aos 19’, o remate de Cambiasso foi bloqueado.

23’ – Robben (Bayern) remate defendido; 26’ Sneijder (Inter) livre defendido. 32’ Muller (Bayern) ao lado; 33’ Cambiasso (Inter) remate bloqueado.

Aos 35’, 1-0 para Inter Milan. Diego Milito recebeu um longo passe do guarda-redes Júlio César, passou de cabeça para Sneijder, que fez o toque de morte para Milito enviar a bola por cima da figura de Jörg Butt.

41’ Altintop (Bayern) remate defendido, e segundos depois o colega Robben rematou ao lado. Aos 43’ Sneijder rematou à figura de Butt e a primeira parte terminou com o Bayern Munich procurando o golo de igualdade. Aos 45’, Olic falhou o alvo e segundos depois Van Bommel teve duas hipóteses (remate bloqueado e um remate ao lado).

Bayern começou o segundo tempo com determinação mas foi mais do mesmo. Inter Milan teve outros sete 7 ataques, Bayern desta vez dez. O resultado foi mais um golo para o Inter, desta vez após 25 minutos.

O jogo esteve equilibrado em termos de posse. Aos 46’ Júlio César defendeu um remate de Müller) jogada espelhada por Pandev (Inter) um minuto depois. Robben (Bayern) viu seu remate bloqueado aos 52’; Sneijder (Inter) enviou o remate livre ao lado aos 54’.

Segundos depois, Altintop (Bayern) rematou ao lado, e na hora, o mesmo jogador viu Júlio César defender, o mesmo acontecendo ao Müller aos 63’. Júlio César (guarda-redes de Inter) foi elétrico esta noite.

Bayern não desistiu, César defendendo um remate de Robben aos 65’. Aos 68’, Mourinho substituiu Chivu por Stankovic e dois minutos depois veio o segundo golo. Milito marcou seu segundo tento, o segundo do Inter, enterrando o jogo. 2-0. Recebeu a bola fora da área, venceu Van Buyten e rematou no canto superior direito da baliza. Butt não teve hipótese.

Van Gaal reagiu, fazendo entrar Gomez por Olic aos 74’, procurando mais soluções de ataque mas cinco minutes depois, Mourinho substituiu o avançado Pandev por Muntari (médio).

Bayern bem tentava, Robben viu seus remates bloqueados aos 81’ e 83’. Até o remate final de Bayern (Van Bommel) aos 90’ (bloqueado), Mourinho já tinha chamado Materazzi (defesa central/zagueiro) por Milito. A loja estava fechada. 2-0. Não havia hipótese.

Jose Mourinho: 17 títulos

Mourinho venceu dois títulos da Liga dos Campeões (FC Porto 2004, Inter 2010); uma Taça UEFA (FC Porto 2003); seis campeonatos nacionais em 8 anos em 3 países com 3 equipas (FC Porto 2002-3,2003-4, Chelsea FC 2004-5, 2005-6; Inter 2008-9, 2009/10); 3 Taças nacionais em 3 países (FC Porto 2003, Chelsea FC 2007, Inter 2010) 3 Super-Taças em 3 países (FC Porto 2004, Chelsea FC 2005, Inter 2008) e 2 Taças da Liga (Inglaterra, Chelsea FC 2005, 2007).

Louis van Gaal: 18 títulos

Van Gaal venceu um Campeonato Mundial de Clubes (Ajax 1995), um título da Liga dos Campeões (Ajax 1995), uma Taça UEFA (Ajax, 1992), duas Super-Taças Europeias (Ajax 1995 e Barcelona 1997); 7 campeonatos nacionais em 3 países com 4 equipas (Ajax, Países-Baixos 1994, 1995, 1996; Barcelona, Espanha 1998, 1999; AZ Alkmaar, Países Baixos 2009; Bayern Munich, Alemanha, 2010); 3 Super-Taças nos Países Baixos (Ajax, 1993, 1994, 1995); 3 Taças nacionais (Ajax, Países Baixos em 1993, Barcelona, Espanha em 1998 e Bayern Munich, Alemanha em 2010).

Timothy BANCROFT-HINCHEY

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular