Pravda.ru

Desporto

Brasil abre 2 a 0, mas cede empate à Itália

22.03.2013
 
Brasil abre 2 a 0, mas cede empate à Itália. 18008.jpeg

A Seleção Brasileira teve tudo para conquistar sua primeira vitória sob o comando de Felipão no retorno ao cargo de técnico da amarelinha. O Brasil abriu 2 a 0 com Fred e Oscar, mas cochilou no início do segundo tempo e cedeu o empate à Itália, que marcou com De Rossi e Balotelli, no Stade de Genève, em Genebra, na Suíça.

Felipe Simões
Do Diário OnLine

Desde 2009 o Brasil não vence uma seleção considerada grande, quando derrotou a Inglaterra por 1 a 0, em Doha, no Catar. De lá para cá, foram 6 jogos (Argentina, duas vezes, Alemanha, Inglaterra e França) sem vitória da Seleção. O próximo amistoso é no dia 25, contra a Rússia, em Londres, no estádio Stamford Bridge. Já a Itália encara a seleção de Malta pela 6ª rodada do Grupo B das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

O jogo começou extremamente movimentado. Quem começou dando as cartas foi a Itália, que, com 1 minuto e meio de jogo, obrigou o goleiro Julio Cesar a fazer uma excelente defesa após Giaccherini receber dentro da área e chutar forte. Aos 4, foi a vez de Neymar arrancar pelo meio e arrematar para ótima intervenção de Buffon. Um minuto depois, Balotelli recebeu em profundidade de De Rossi e bateu de perna esquerda, mas o camisa 12 brasileiro salvou com o pé esquerdo.

Depois da correria inicial, a partida esfriou, mas as duas seleções continuaram marcando sob pressão, dificultando a saída de bola do adversário. Aos 20, Neymar perdeu a bola no meio-campo e proporcionou o contra-ataque para a Itália. O lateral Maggio recebeu nas costas de Filipe Luís e foi pressionado por Julio Cesar, que evitou a conclusão do italiano.

Com maior posse de bola, o Brasil não conseguia sair com qualidade e abusava dos lançamentos diretos de David Luiz. A Itália, por sua vez, não conseguia penetrar na defesa brasileira e arriscava chutes de fora da área.

Aos 32, a Seleção Brasileira deixou de insistir pela direita e resolveu atacar pela esquerda. Lançado por Neymar, Hulk recebeu perto da linha de fundo e tentou o cruzamento. A zaga cortou e a sobra ficou com Filipe Luis, que levantou na área e contou com o desvio do zagueiro Bonucci para achar Fred livre de marcação. Oportunista, o centroavante chutou no canto e abriu o placar em Genebra.

Atrás no placar, a Itália deixou espaços na defesa para o Brasil, que não demorou a aproveitá-los. Aos 42, Neymar recebeu na meia direita e arrancou em direção à área adversária, atraindo a marcação para o lado esquerdo do campo. Oscar, por sua vez, aproveitou o buraco na zaga e recebeu passe açucarado do santista para jogar no canto esquerdo de Buffon e ampliar o marcador do amistoso.

Na segunda etapa, a Itália voltou determinada a buscar o resultado. Aos 8, De Rossi aproveitou cobrança de escanteio da direita e desviou para diminuir a vantagem brasileira, deixando Julio Cesar sem ação.

Na marca de 11 minutos, o golaço do jogo: Balotelli aproveitou a saída ruim da defesa, ajeitou para a perna direita e, de fora da área, chutou forte, encobrindo o goleiro brasileiro, que se esticou todo mas nada pôde fazer para evitar o empate da Itália.

Mesmo com a entrada do experiente Kaká, a seleção europeia continuou pressionando. Aos 18, Balotelli quase aproveitou uma bola espirrada dentro da área, mas Julio César foi preciso e evitou o terceiro gol italiano. Aos 30, o camisa 9 recebeu bom passe na grande área e finalizou, mas Dante foi rápido e conseguiu desviar o chute.

Nos últimos minutos, as duas seleções tentaram, não conseguiram criar reais chances de gol e o empate prevaleceu no amistoso na Suíça.

FICHA TÉCNICA

BRASIL: Julio Cesar; Daniel Alves, David Luiz, Dante e Filipe Luís (Marcelo); Fernando, Hernanes (Luiz Gustavo) e Oscar (Kaká); Hulk (Jean), Fred (Diego Costa) e Neymar. Técnico: Luiz Felipe Scolari (Felipão)

ITÁLIA: Buffon; Maggio, Barzagli, Bonucci e De Sciglio (Antonelli); De Rossi (Diamanti), Pirlo (Cerci), Giaccherini (Poli) e Montolivo; Osvaldo (El-Shaarawy) e Balotelli (Gilardino). Técnico: Cesare Prandelli

GOLS: Fred (32'/1ºT), Oscar (42'/1ºT), De Rossi (8'/2ºT) e Balotelli (11'/2ºT)

CARTÕES AMARELOS: Fred (26'/1ºT), Hernanes (17'/2ºT), Filipe Luís (24'/2ºT), Maggio (32'/2ºT), Poli (37'/2ºT)

LOCAL: Stade de Genève (Genebra, Suíça)

 http://www.dgabc.com.br/News/6015859/brasil-abre-2-a-0-mas-cede-empate-a-italia.aspx

 


Loading. Please wait...

Fotos popular