Pravda.ru

Desporto

Ráguebi – Sul-americano em Montevidéu - Argentina 89 x Chile 06

21.05.2009
 
Pages: 12
Ráguebi – Sul-americano em Montevidéu - Argentina 89 x Chile 06

Em um jogo sem surpresas os «Jaguares» argentinos acabaram vencendo os «condores» chilenos 89 x 6 no Estádio Charrua de Montevidéu por mais uma rodada do Sul-Americano de ráguebi que tinha começado no final de abril retrasado com a participação do anfitrião Uruguai, Brasil e Paraguai.

Com arquibancadas quase sem pagantes pois o jogo aconteceu em uma quarta ás 15:30 h, Argentina com camisa azul e cinza, longe daquela tradicional alvi-azul com faixas horizontais que conquistou com os «Pumas» o bronze na última Taça do Mundo na França, venceu os trás-andinos chilenos com uma amplíssima vantagem no resultado.

O grande destaque da seleção uruguaia e do Castres da França, Rodrigo Capó assistiu o jogo vestido de espião de olho na próxima partida dos uruguaios perante os argentinos ao sábado 23 de Maio ás 15:30 h.

Mesmo que Argentina mostrou muita raça impedindo o progredir dos chilenos além da metade do campo e permitindo apenas dois chutes pênaltis conquistados bastante distante do gol por conta do camisa 13, Javier Valderrama, houve um grande jogador que na hora do ataque mostrou qualidade extrema atingindo e apoiando a bola oval além da linha de fundo do gramado. Foi o camisa 11, Juan Imhoff que ziguezagueante e poderoso foi derrubando os chilenos galgando até o gol.

Antes do início do jogo ouviram-se os hinos nacionais das duas seleções. O primeiro foi dos argentinos que deu erro no CD, porém nos alto-falantes do Estádio Charrua e após trinta segundos pulou para o dos chilenos que cantaram com força o seu.

Mais logo a voz oficial dos alto-falantes remarcou que era a hora de ouvir o hino argentino mais uma vez. A versão desta vez acabou sendo ótima.

As meias foram a única porção do uniforme argentino que manteve o desenho alvi-azul dos históricos «Pumas».

Argentina e Uruguai, únicos invictos no Sul-Americano de Ráguebi Adulto «A», planejam a partida que vai definir o Campeão do torneio mais uma vez no Estádio Charrua ás 15:30 h deste sábado 23 de Maio.

Um jogo de «treino» oficial dos argentinos perante os chilenos (que não vão ter os uruguaios antes do confronto final), além da qualidade dos jogadores poderiam marcar uma tendência favorável para os argentinos mesmo que ninguém poderia garantir que o caneco vai ficar em Buenos Aires; Montevidéu tem espaço nas vitrines da União de Ráguebi do Uruguai para ele.

Confira agora o processo do jogo:

ÁRBITROS: Central: Gustavo Gerbasi (Uruguai)

Bandeirinhas: Joaquín Montes e Luis Caviglia (Uruguai).

Uniformes dos árbitros: Camisa amarela fluo e calção e meias brancas.

Bandeiras: Desenho: xadrez – Cores: vermelho e amarelo.

ESCALAÇÃO ARGENTINA

01 – Matías Narváez; 02 – Mauricio Guidone; 03 – Guillermo Roan; 04 – Carlos Cáceres; 05 – Felipe Aranguren; 06 – Miguel de Achával (Capitão); 07 – Rodrigo Bruno; 08 – Benjamín Macone; 09 – Lucas Alcácer; 10 – Santiago González Iglesias; 11 – Juan Imhoff; 12 – Santiago Piccaluga; 13 – Facundo Vega; 14 – Belisario Agulla e 15 – Pedro Garzón.

PLANTÃO: 16 – Ignacio Di Santi; 17 – Federico Merlo; 18 – Gabriel Pata Curelo; 19 – Agustín Guzmán; 20 – Francisco Cubeli; 21 – Lucas Barrera Oro e 22 – Paolo Mac.

TREINADORES: Mauricio Reggiardo e Mario Barandiarán.

ESCALAÇÃO CHILE

01 – Alejandro Ríos; 02 – Manuel Gurruchaga (Capitão); 03 – Sergio de la Fuente; 04 – Germán Suazo; 05 – Pablo Huete; 06 – Benjamín delSolar; 07 – Matías Cabrera; 08 – Lucas Seccatore; 09 – Juan Pablo Perrota; 10 – Cristian Oneto; 11 – Ricardo Sifri; 12 – Benjamín Pizarro; 13 – Javier Valderrama; 14 – José Luis Labbe e Francisco Cruz.

PLANTÃO: 16 – Felipe Burgos; 17 – Fernando Benavídes; 18 – Rodrigo Moya; 19 – Tomás Claps; 20 – Patricio Valladares; 21 – Aldo Cornejo; 22 – Javier Reyes e 23 – Ciro Bassa.

TREINADORES: Principal: Daniel Graco – Adito: Rodrigo Boye.

ARGENTINA 07 – CHILE 00

Try (AR) (11 – Juan Imhoff – 5 pontos)

ARGENTINA 12 – CHILE 00

Try (AR) com acréscimo (11 – Juan Imhoff – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

ARGENTINA 17 – CHILE 00

Try (AR) (15 – Pedro Garzón – 5 pontos)

ARGENTINA 20 – CHILE 00

Pênalti (AR) (10 – Santiago González Iglesias – 3 pontos).

ARGENTINA 27 – CHILE 00

Try (AR) com acréscimo (11 – Juan Imhoff – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

ARGENTINA 34 – CHILE 00

Try (AR) com acréscimo (11 – Juan Imhoff – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

ARGENTINA 41 – CHILE 00

Try (AR) com acréscimo (07 – Rodrigo Bruno – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

FIM PRIMEIRO TEMPO

ARGENTINA 41 – CHILE 00

SEGUNDO TEMPO

ARGENTINA 48 – CHILE 00

Try (AR) com acréscimo (14 – Belisario Agulla – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

ARGENTINA 48 – CHILE 03

Pênalti (CL) (13 – Javier Valderrama – 3 pontos).

ARGENTINA 53 – CHILE 03

Try (AR) (13 – Facundo Vega – 5 pontos)

ARGENTINA 60 – CHILE 03

Try (AR) com acréscimo (17 – Federico Merlo – 5 pontos mais 10 – Santiago González Iglesias 2 pontos).

ARGENTINA 65 – CHILE 03

Pages: 12

Loading. Please wait...

Fotos popular