Pravda.ru

Desporto

Equador e Alemanha defrontam-se hoje em Berlim

20.06.2006
 
Equador e Alemanha defrontam-se hoje em Berlim

Se no jogo da capital, marcado para as 15:00 (hora de Lisboa), os alemães têm de derrotar os sul-americanos para garantirem o primeiro lugar no grupo, o jogo de Colónia, com início às 20:00 pode assumir contornos verdadeiramente dramáticos em função do «dilema» do seleccionador de Inglaterra, o sueco Sven-Goran Eriksson. Com o Inglaterra já apurada para os oitavos-de-final e a um empate de assegurar o triunfo no Grupo B, Eriksson corre o risco de ser «carrasco» do seu próprio país, pois os nórdicos serão eliminados se perderem e a estreante Trindade e Tobago derrotar o Paraguai, desde que os número globais anulem a vantagem sueca de três golos.

Com os dois jogos da terceira jornada de ambos os grupos a serem disputados em simultâneo, as já eliminadas Costa Rica e Polónia procuram sair da competição com uma vitória no Grupo A, enquanto no Grupo B o primeiro triunfo também é perseguido por Paraguai e Trindade e Tobago, que ainda pode passar à próxima fase.

A selecção anfitriã vai defrontar o líder do grupo às 15:00, em Berlim, num jogo em que apenas a vitória permitirá aos alemães conquistarem o primeiro lugar, detido pelo Equador graças à diferença de golos, face à igualdade a seis pontos de ambas as equipas. Depois da vitória por 1-0 sobre a Polónia, na última jornada, a Alemanha procura não perder o calendário traçado pela organização para o líder do Grupo A, que nos oitavos-de-final vai jogar a Munique, e deve fugir à Inglaterra, principal candidata ao triunfo no Grupo B. Quanto ao Equador, que bateu a Polónia por 2-0 e a Costa Rica por 3-0, quer continuar na senda vitoriosa para chegar aos oitavos-de- final 100 por cento vitorioso.

Em Hanover, também às 15:00, Costa Rica e Polónia, já eliminadas após terem perdido os dois primeiros jogos, esperam alterar a tendência para o desaire, sobretudo quando os seus treinadores têm o cargo o risco.

No Grupo B, a Inglaterra vai defrontar em Colónia a Suécia natal do seu seleccionador, com os olhos postos no primeiro lugar do Grupo. Ambas as selecções podem chegar à liderança, embora os suecos precisem de, pelo menos, empatar para evitarem uma eventual surpresa proporcionada por uma vitória de Trindade e Tobago no seu último jogo, que se disputa em Kaiserslautern, igualmente às 20:00. A Inglaterra conseguiu duas vitórias - 1-0 ao Paraguai e 2-0 a Trindade e Tobago -, está no primeiro lugar e quando jogar já conhece o desfecho do Equador-Alemanha, que colocará uma destas equipas na rota da formação inglesa nos oitavos-de-final.

Por seu turno, a Suécia não foi além de um empate 0-0 com Trindade e Tobago no primeiro jogo, à qual aliou uma vitória pela margem mínima contra o Paraguai, resultados que deixaram a equipa com quatro pontos e a qualificação incerta, pois os caribenhos podem conseguir igualá-la se vencerem o Paraguai. Sul-americanos e caribenhos defrontam-se com a missão de saírem do Mundial de cabeça levantada, mas se a vitória pender para Trindade e Tobago e a Suécia perder com a Inglaterra estas duas selecções ficam à mercê dos critérios de desempate para saberem quem passará à próxima fase.

Nà entrada para a última ronda os suecos tem uma boa vantagem na diferença de golos - com 1-0 contra 0-2 -, pelo que, além de ganhar, Trindade e Tobago tem de esperar que a Suécia perca e, no computo dos dois jogos, recuperar de uma desvantagem de três tentos.

Segundo "Diário Digital"


Loading. Please wait...

Fotos popular