Pravda.ru

Desporto

Estréia de Beckham no Galaxy foi decepcionante

17.07.2007
 
Estréia de Beckham no Galaxy foi decepcionante

Na sexta-feira, quando David Beckham foi apresentado oficialmente como novo jogador do Los Angeles Galaxy, a sua estréia nos treinamentos foi decepcionante. Ele limitou-se a exercícios para recuperação de uma lesão no tornozelo esquerdo.

Beckham chegou ao Home Depot Center com seu novo uniforme, uma camiseta amarela. Sorriu para o resto de seus companheiros, mas não falou com a imprensa, e também não treinou muito porque continua com o tornozelo esquerdo inflamado. Ele se machucou quando jogou pela seleção da Inglaterra, dia 6 de junho, contra a Estônia.

O treinador do Galaxy, Frank Yallop, confirmou que depende da evolução da lesão para saber se no próximo sábado o astro poderá estrear, enfrentando o Chelsea num amistoso.

- Estamos observando sua evolução física dia a dia e a inflamação no tornozelo esquerdo não desapareceu - comenta Yallop.

A condição física de Beckham é a grande preocupação de todos. O gerente geral do Galaxy, Alexi Lalas, disse que o jogador está se recuperando, mas ainda não atingiu os 100%.

- Temos que recordar que ele é um ser humano, e não um robô - declara Lalas, até agora mais preocupado com a exploração da imagem e venda de camisetas de Beckham que no rendimento esportivo da equipe.

O outro aspecto nada positivo para os diretores do Galaxy foi comprovar que, no primeiro treino de Beckham aberto ao público, as arquibancadas do Home Depot Center só receberam mil torcedores. Bem menos que os 5 mil do dia de sua apresentação.

O ambiente desde a chegada de Beckham está desagradando alguns profissionais da equipe, como o zagueiro Quaras Kirk.

- Realmente tudo isto é um circo - ironiza.

O atacante Landon Donovan, até agora o destaque da equipe, lembrou que um só jogador não pode mudar totalmente a equipe.

- O futebol não é como o basquete, em que um jogador pode fazer a diferença. David é um bom jogador, mas nós temos que acompanhar, fazendo nosso trabalho - analisa.

Outros jogadores do Galaxy reconheceram que se sentiam marginalizados com o tratamento da imprensa a Beckham, mas entendiam a fama do novo companheiro. Eles também destacaram que, no vestiário, o craque agiu como um cavalheiro.

Fonte Globo Esporte


Loading. Please wait...

Fotos popular